Jornal do Commercio
Notícia
Saulo

Saulo Fernandes lança DVD no Recife em maio

Recife foi a cidade escolhida pelo baiano para o lançamento de 'Sol, Lua, Sol'

Publicado em 15/04/2019, às 14h38

Saulo Fernandes em apresentação / Divulgação
Saulo Fernandes em apresentação
Divulgação
JC Online

Recife foi a capital escolhida para o lançamento de Sol, Lua, Sol, novo DVD do baiano Saulo Fernandes. O show acontece no dia 11 de maio, no Itaipava Catorze, às 21h.

Em única apresentação na capital pernambucana, o show durará cerca de três horas e vai reunir músicas do terceiro álbum solo do artista, O Azul e o Sol, além de canções inéditas e releituras.

O DJ Jopin também participará do evento. No setlist, o artista promete trazer músicas como o remix da clássica Anunciação, do pernambucana Alceu Valença. 



Os ingressos custam R$ 66 (meia), R$77 (social, com um 1kg de alimento não perecível) e R$132,00 (inteira), à venda no Ticket Folia.

Show surpresa

No começo de fevereiro, Saulo fez uma espécie de "pré-estreia" do DVD. O cantor apresentou repertório do Sol, Lua, Sol em uma estação de Metrô, em Salvador. No Acesso Norte, que liga as duas linhas do metrô da capital baiana, o cantor realizou o show, gratuitamente, para o público que transitava.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM