Jornal do Commercio
Notícia
Coletividade

'A Dita Curva' reúne dez artistas pernambucanas no Santa Isabel

Show mescla teatro, música, poesia e acontece dia 12 de setembro

Publicado em 11/09/2019, às 18h23

Pluralidade dos projetos artísticos das pernambucanas é atravessado por força da sororidade / Carol Melo e Yuri Lemos/Divulgação
Pluralidade dos projetos artísticos das pernambucanas é atravessado por força da sororidade
Carol Melo e Yuri Lemos/Divulgação
JC Online

O espetáculo A Dita Curva, fruto dos encontros de uma geração talentosa de artistas pernambucanas, inicia uma nova etapa dia 12 de setembro, às 20h, no Teatro de Santa Isabel, que passará ainda por João Pessoa, São Paulo e pelo Rio de Janeiro. No palco, dez artistas de diferentes linguagens, como a música, poesia, dança, somam forças para celebrar o feminino.

O que era para ser uma ação pontual, ganhou fôlego para se transformar em uma ação potente. Idealizado por Flaira Ferro, que também integra o grupo de performers, o espetáculo é encabeçado também por Aishá Lourenço, Aninha Martins, Isaar, Isadora Melo, Laís de Assis, Luna Vitrolira, Paula Bujes, Sofia Freire e Ylana Queiroga.



DIÁLOGOS

Com direção musical de Paula Bujes, direção artística de Lilli Rocha e iluminação de Natalie Revorêdo, a montagem volta aos palcos com novos arranjos para canções já conhecidas pelo público, além de interpretações inéditas.

Sem pausas, o projeto é costurado por música, poesia e dança. Celebra, assim, a força do trabalho de cada artista, destacando-as individualmente, e também criando pontos de contato entre elas.

Serviços

Show A Dita Curva – 12 de setembro, às 20h, no Teatro Santa Isabel (Praça da República, s/n, Santo Antônio). Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia), à venda na bilheteria do teatro. Informações: 3355-3323




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM