Jornal do Commercio
Turnê

Marco Nanini em cena no Recife com Pterodátilos

Peça dirigida por Felipe Hirsch é apresentada hoje e amanhã no Teatro da UFPE

Publicado em 28/10/2011, às 06h00

 /
Do JC Online

Com dois textos de Nicky Silver (EUA), o diretor Felipe Hirsch, o ator Marco Nanini e o produtor Fernando Libonati montaram a peça Os solitários, que recebeu o prêmio APCA na categoria melhor espetáculo em 2002. Mas a história deles com a obra do norte-americano não terminou com a realização daquele trabalho. Ao se reunir em 2010, o trio decidiu criar outra versão para um dos textos que integravam o espetáculo: Pterodátilos. A nova produção teatral estreou ano passado no Rio de Janeiro e será apresentada hoje e amanhã, no Teatro da UFPE, como parte de uma turnê pelo Nordeste.



Pterodátilos, descrita como “uma comédia negra absurda”, mostra uma família rica e cercada de conflitos. Violência, abandono e alcoolismo fazem parte parte do cotidiano dos personagens. Marco Nanini se divide entre os papéis de Artur (o pai) e Ema (a filha) e já recebeu elogios por esta interpretação. O núcleo familiar também é formado por uma mãe alcoólatra (interpretada por Mariana Lima), o filho Todd (Álamo Facó) e Tom (Felipe Abib), o namorado de Ema, que acaba sendo transformado em empregado da casa.


A matéria completa está no Caderno C de hoje (28/10), no Jornal do Commercio.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM