Jornal do Commercio
SERTANEJO

Eduardo Costa critica comoção após morte de cachorro: Que comece o mimimi

Cantor recebeu muitas críticas após publicar uma montagem com críticas à repercussão do caso

Publicado em 06/12/2018, às 15h38

Eduardo Costa / Reprodução do Instagram
Eduardo Costa
Reprodução do Instagram
JC Online

O cantor Eduardo Costa se tornou parte do grupo de celebridades que tem comentado nas redes sociais sobre a morte de um cachorro em uma unidade do supermercado Carrefour em Osasco, Região Metropolitana de São Paulo. O animal foi envenenado e morto a pauladas por seguranças do estabelecimento. Enquanto outras pessoas falaram sobre a brutalidade do caso, o sertanejo falou sobre a repercussão do caso. 

Eduardo Costa publicou uma mensagem na qual se vê um personagem de olhos fechados ao lado da frase: "60 mil homicídios por ano no Brasil". O mesmo personagem aparece de olhos abertos ao lado da frase: "Segurança matou um cachorro a pauladas".

Comentários

Após muita repercussão, o post saiu da timeline do cantor. "Apagou o post porquê? Se colocou, agora dê a sua cara a tapa. Não era só um cachorro. Era uma Vida. Uma crueldade e não importa quem foi", questionou uma usuária.



Eduardo Costa compartilhou, então, uma montagem atribuída ao perfil O Retrógrado. "É como eu penso e vou continuar pensando". Novamente, muitas pessoas comentaram. Alguns concordaram, outros criticaram a comparação. "O animal é indefeso, por isso nós nos revoltamos, e quem matou a senhorinha já está pagando pelo crime", afirmou uma pessoa.

"Ambos são crimes terríveis e merecem uma punição rígida aos assassinos", escreveu outra.

Pouco depois, Eduardo Costa fez um vídeo ao vivo em seu perfil para falar sobre o caso. O cantor diz que "um cara que mata animal tem que apanhar mesmo" e mostra seus animais de estimação.

Visualizar esta foto no Instagram.

É como eu penso e vou continuar pensando.

Uma publicação compartilhada por Eduardo Costa (@eduardocosta) em


Recomendados para você


Comentários

Por Carlos,07/12/2018

Esse cara só fala merda.

Por Jorge Lira,06/12/2018

Só na cabecinha de mer@a de Eduardo Costa as pessoas se indignaram mais coma morte do cachorro. Ô imbecil o problema é se não houvesse a movimentação das pessoas a morte do cachorro vai ficar impune, enquanto que na morte da senhora, haverá sem dúvida a devida punição. Esse traste só abre a boca pra vomitar asneiras!!!



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM