Jornal do Commercio
Notícia
Bastidores

Milton Gonçalves move processo contra Paulo Betti por racismo

Briga entre atores também se deve por uma questão política envolvendo o Sindicato dos Artistas

Publicado em 17/06/2019, às 20h03

Milton Gonçalves acusa Paulo Betti de racismo. / Fotos: Mauricio Fidalgo/TV Globo e Paulo Belote/TV Globo
Milton Gonçalves acusa Paulo Betti de racismo.
Fotos: Mauricio Fidalgo/TV Globo e Paulo Belote/TV Globo
JC Online

Segundo informações do jornal Folha de São Paulo, o ator Milton Gonçalves, de 85 anos, está processando o colega de profissão Paulo Betti, 66, por racismo, em meio a disputa das eleições do Sindicato dos Artistas no Rio de Janeiro. A ação está correndo na 33ª Vara Criminal do município.

De acordo com o portal Catraca Livre, o ator que interpreta Miguel na atual novela das seis da Globo, Órfãos da Terra, faz parte de uma chapa criada com intuito de concorrer contra Gonçalves na próxima votação para a presidência do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio de Janeiro, que atualmente é presidida pelo autor da ação criminal.

Eles fazem parte de um grupo no WhatsApp chamado “Profissão Artistas”. E neste grupo, no último dia 16 de abril, Paulo Betti publicou a mensagem tida como racista por Milton Gonçalves: “A atual diretoria do sindicato está lá há muito tempo e tem uma forte representação negra com Jorge Coutinho e o grande Milton Gonçalves, além do querido Cosme, isso complica bastante a luta, pois pode confundir as coisas”.



O PROCESSO

Segundo consta nos autos do processo, obtidos pela Folha, para a defesa de Milton e Jorge, as falas de Betti possuem “ambiguidade e dubiedade”, denotam interpretação imprópria e infeliz, fazendo distinção entre negros e brancos, e são “insinuações evidentemente maledicentes”.

O juiz Daniel Werneck Cotta determinou que Paulo Betti apresente sua defesa em 15 dias, a contar do último dia 13 de junho. Já a eleição para a presidência do Sindicato dos Artistas acontece nos dias 29 e 30 de junho, e 1º de julho.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM