Jornal do Commercio
ENERGIA SOLAR

BNDES aprova primeiro financiamento para geração de energia solar

O empréstimo, de R$ 529,039 milhões, vai financiar a implantação do Complexo Solar Pirapora, em Minas Gerais

Publicado em 11/05/2017, às 17h47

O Complexo Solar Pirapora prevê a construção de cinco usinas fotovoltaicas / Foto: Igo Bione/Acervo JC Imagem
O Complexo Solar Pirapora prevê a construção de cinco usinas fotovoltaicas
Foto: Igo Bione/Acervo JC Imagem
Agência Brasil

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou nesta quinta-feira (11), no Rio de Janeiro, a aprovação do primeiro financiamento para um projeto de geração de energia solar.

O empréstimo, de R$ 529,039 milhões, vai financiar a implantação do Complexo Solar Pirapora, em Minas Gerais, um empreendimento da EDF Energies Nouvelles, subsidiária do grupo estatal francês Électricité de France (EDF) e da fabricante de módulos solares canadense Canadian Solar (CSI), que fornecerá equipamentos para o projeto.

O Complexo Solar Pirapora prevê a construção de cinco usinas fotovoltaicas, com potência instalada total de 150 megawatts (MW) e capacidade para atender a demanda de 189.842 residências, informou o banco, pela assessoria de imprensa.



A etapa de construção do complexo vai gerar 1.381 empregos diretos e indiretos. As obras começaram em outubro de 2016. As usinas têm previsão de entrada de operação comercial em agosto próximo.

A energia do Complexo Solar de Pirapora foi comercializada no 7° Leilão para Contratação de Energia de Reserva, realizado em 28 de agosto de 2015. Os contratos de energia de reserva (CERs), celebrados com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), têm vigência de 20 anos a partir de 1º de agosto de 2017. Durante o leilão, as usinas comercializaram juntas 42 MW médios, a uma tarifa média de R$ 298,58 por megawatt-hora (MWh).




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM