Jornal do Commercio
APELO

Temer, Maia e Eunício pedem que caminhoneiros retornem ao trabalho

Em nota, eles reiteraram que vão cumprir o acordo com os manifestantes ''no menor tempo possível''

Publicado em 29/05/2018, às 17h47

Paralisação dos caminhoneiros completou nove dias nesta terça-feira (29) / Foto: Tomaz Silva/Ag Brasil
Paralisação dos caminhoneiros completou nove dias nesta terça-feira (29)
Foto: Tomaz Silva/Ag Brasil
Estadão Conteúdo

Em nota oficial conjunta, o presidente Michel Temer e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), fizeram um apelo nesta terça-feira (29), para que os caminhoneiros retornem ao trabalho. No texto, eles reiteraram que vão cumprir o acordo com os manifestantes "no menor tempo possível". Os três estiveram reunidos por cerca de 40 minutos nesta terça-feira (29) antes de o documento ser divulgado.

"Neste momento, os Poderes Executivo e Legislativo estão unidos na defesa dos interesses nacionais. Assumem o compromisso de aprovar e colocar em prática, no menor tempo possível, todos os itens do acordo", diz trecho da nota.

Durante as negociações com os caminhoneiros, o presidente Temer editou três medidas provisórias para atender à categoria dos caminhoneiros. As MPs têm vigência imediata, mas precisarão ser aprovadas pelo Congresso para não perder a validade. Além disso, será preciso aprovar o projeto da reoneração da folha de pagamento no Senado, que já foi aprovado na semana passada pela Câmara, para ser possível compensar a eliminação da Cide que recai sobre o preço do diesel.

Na nota, os chefes afirmam que "há necessidade indispensável" de abastecer todos os setores da economia nacional, destacando os setores da alimentação, medicamentos e combustíveis.

"Em face do acordo firmado para pôr fim à greve dos caminhoneiros, que tiveram as suas reivindicações acolhidas, os presidentes da República, Michel Temer, do Senado Federal, Eunício Oliveira, e da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, conclamam todos os envolvidos nas manifestações a retornarem ao trabalho e propiciar normalidade à vida de todos os brasileiros "



Os chefes do Executivo e do Legislativo afirmaram que "é importante ainda evitar que, tendo alcançado seus objetivos, esse movimento venha a ser usado com objetivos políticos. Temos certeza de que o desejo de toda família brasileira é garantir a normalidade do abastecimento e assegurar a retomada da economia"

Possíveis infiltrados

O governo já acionou a Polícia Rodoviária Federal (PRF) para investigar e separar possíveis infiltrados políticos das manifestações dos caminhoneiros.

Mais cedo, houve mal estar entre Maia e o governo. O presidente da Câmara criticou o fato de o governo federal não ter enviado nenhum ministro para participar da comissão geral do Congresso para discutir a questão dos preços dos combustíveis no Brasil.

"Estamos prontos para discutir o tamanho do Estado brasileiro. Só que ele (ministro da Fazenda, Eduardo Guardia) não vem hoje (terça) para discutir a questão do petróleo. É muito fácil ficar no gabinete dele e não vir aqui discutir. Aliás, não veio nenhum dos ministros do governo. O governo talvez não esteja com a dimensão do tamanho da crise que o Brasil vive", disse Maia pela manhã.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM