Jornal do Commercio
DECISÃO

Pedro Parente pede demissão da presidência da Petrobras

Decisão foi anunciada na manhã desta sexta-feira pela Petrobras

Publicado em 01/06/2018, às 11h35

Pedro Parente era presidente da Petrobrás / Foto: Evaristo Sá/AFP
Pedro Parente era presidente da Petrobrás
Foto: Evaristo Sá/AFP
JC Online

A Petrobras anunciou a demissão do presidente Pedro Parente na manhã desta sexta-feira, dia 1º de junho. O executivo estava, por volta das 11h30, em reunião com o presidente da República Michel Temer, no Palácio do Planalto. O encontro - e a demissão - ocorrem após o governo lançar medidas com custo de R$ 13,5 bilhões para baixar o preço do diesel e ajudar a encerrar a greve dos caminhoneiros.

Em fato relevante, a companhia informa que a nomeação de um CEO interino será examinada pelo Conselho de Administração ao longo desta sexta-feira, e que a composição dos demais membros da diretoria executiva não sofrerá qualquer alteração.

Em trecho da carta de demissão entre por Parente, ele ressaltou a recuperação da estatal. "Faço um julgamento sereno de meu desempenho, e me sinto autorizado a dizer que o que prometi, foi entregue, graças ao trabalho abnegado de um time de executivos, gerentes e o apoio de uma grande parte da força de trabalho da empresa, sempre, repito, com o decidido apoio de seu Conselho. A Petrobras é hoje uma empresa com reputação recuperada, indicadores de segurança em linha com as melhores empresas do setor, resultados financeiros muito positivos, como demonstrado pelo último resultado divulgado, dívida em franca trajetória de redução e um planejamento estratégico que tem se mostrado capaz de fazer a empresa investir de forma responsável e duradoura, gerando empregos e riqueza para o nosso país", disse. 



Comunicado oficial

"Mudança na Administração
Rio de Janeiro, 1º de junho de 2018 – Petróleo Brasileiro S.A – A Petrobras informa que o senhor
Pedro Parente pediu demissão do cargo de presidente da empresa na manhã de hoje. A nomeação
de um CEO interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras ao longo do dia
de hoje. A composição dos demais membros da diretoria executiva da companhia não sofrerá
qualquer alteração.
Fatos considerados relevantes serão prontamente comunicados ao mercado."

Fora dos planos do Planalto

Em entrevista à Rádio Jornal nesta terça-feira (28), o ministro da Secretaria do Governo, Carlos Marun, havia dito que a saída do presidente da Petrobras não estava nos planos do Planalto. "Não há possibilidade de demissão de Pedro Parente". De acordo com Marun, que enalteceu o trabalho de Pedro Parente à frente da Petrobras, o ex-presidente resgatou a estatal de uma crise. "Ele está agindo com competência. Pedir a saída de Parente é um proselitismo político. Ninguém ganha com isso. Ele ajudou a tirar a empresa da crise, que hoje voltou a ser pujante", explicou.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM