Jornal do Commercio
Residência

Preço médio dos imóveis residenciais cai 0,06% em junho

A pesquisa foi realizada pela Fundação do Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), com base nos anúncios de 20 cidades no sire Zap

Publicado em 04/07/2018, às 08h03

Foram registradas a baixa nos preços em 14 cidades, entre elas: Porto Alegre, Rio de Janeiro, Campinas e Salvador. / Foto: Arquivo/JC Imagem
Foram registradas a baixa nos preços em 14 cidades, entre elas: Porto Alegre, Rio de Janeiro, Campinas e Salvador.
Foto: Arquivo/JC Imagem
Estadão Conteúdo

O preço médio dos imóveis residenciais teve uma leve queda de 0,06% na passagem de maio para junho, segundo pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) feita com base nos anúncios de 20 cidades no site Zap. O levantamento mostra também que os preços caíram 0,16% no acumulado do ano e recuaram 0,47% nos últimos 12 meses.

O comportamento dos preços no mês foi bem diferente nas localidades cobertas pela pesquisa, sugerindo que o mercado imobiliário já mostra recuperação em algumas regiões, mas permanece em baixa em outras áreas.



Em junho, apenas seis das 20 cidades pesquisadas tiveram alta nos preços, como foram os casos de São Paulo (0,21%), Goiânia (0,31%) e Distrito Federal (0,37%). Já em 14 das 20 regiões foi registrada baixa nos preços, como foram os casos de Porto Alegre (-0,30%), Rio de Janeiro (-0,42%), Campinas (-0,46%) e Salvador (-0,55%).

O Rio de Janeiro é a cidade com o preço mais alto de imóveis no Brasil

O valor médio do metro quadrado dos imóveis residenciais foi a R$ 7.539. O Rio de Janeiro se manteve como a cidade com o preço mais alto do País (R$ 9.556), seguida por São Paulo (R$ 8.774) e Distrito Federal (R$ 7.754).

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM