Jornal do Commercio
DÉFICIT MENOR

Déficit primário deve ficar entre R$ 125 bi e R$ 126 bi em 2018, diz Temer

O previsto era de que o déficit seria de R$159 bilhões

Publicado em 06/12/2018, às 19h39

Temer ressaltou que as medidas tomadas por ele desde que assumiu a presidência foram responsáveis pela tomada da credibilidade do País / Foto: Alan Santos/PR
Temer ressaltou que as medidas tomadas por ele desde que assumiu a presidência foram responsáveis pela tomada da credibilidade do País
Foto: Alan Santos/PR
Estadão Conteúdo

O presidente Michel Temer afirmou nesta quinta-feira (6) durante homenagem que recebe na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) que o déficit primário de 2018 vai ser menor do que o anteriormente previsto.

"Ontem (quarta-feira) mesmo, o Eduardo Guardia (ministro da Fazenda) comentou comigo que o déficit não vai ser mais de R$ 159 bilhões, mas sim entre R$ 125 bilhões e R$ 126 bilhões", afirmou Temer, em discurso na sede da entidade, em São Paulo.

Durante sua fala, Temer ressaltou as medidas que tomou desde que assumiu a Presidência, em maio de 2016, e disse que elas foram responsáveis pela retomada da credibilidade do País.



Na visão do presidente, o trabalho que ele conduziu no governo "começa agora a ser reconhecido". "Umas das provas de que fizemos um bom trabalho é que nossos ministros estão sendo chamados a outros governos, como aqui em São Paulo e no Distrito Federal", ressaltou.

Reforma da previdência

Temer afirmou que se "regozija" de ter colocado a reforma da Previdência na pauta política do País. "A prova disso é que o governo eleito colocou o tema como uma das prioridades", disse o presidente.

Antes da fala de Temer, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, disse que Temer fez todos os esforços possíveis pela reforma da Previdência. "A vontade dele era não só aprovar a reforma da Previdência, como também a reforma tributária", comentou Skaf.



OFERTAS

Especiais JC

Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.
Mãe Guerreira Mãe Guerreira
Junto com uma criança, nasce sempre uma mãe, que enfrenta inúmeros desafios para educar, acolher e dar o melhor aos filhos. Por isso, todas elas carregam em si a força e a coragem de verdadeiras guerreiras.
JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM