Jornal do Commercio
Privatização

Vai para mais de R$ 1 tri o valor de estatais a serem privatizadas, diz Guedes

O ministro da Economia participa da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, conhecida como Marcha dos Prefeitos

Publicado em 09/04/2019, às 15h45

Segundo Guedes, a terceira reforma a ser feita pelo governo será a das privatizações / Foto: Daniel Ramalho / AFP
Segundo Guedes, a terceira reforma a ser feita pelo governo será a das privatizações
Foto: Daniel Ramalho / AFP
Estadão Conteúdo

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira, 9, durante evento em Brasília, que os "prefeitos são políticos e sabem que têm um desafio grande pela frente" "E temos que ajudar vocês", completou, para uma plateia de prefeitos de todo o País. Guedes voltou a defender um novo pacto federativo para, segundo ele, "descarimbar" os recursos. 

O ministro citou ainda uma séria de propostas em andamento no governo, para colocar em ordem as contas públicas. Ele lembrou da intenção de privatizar empresas estatais, o que deve gerar "mais de R$ 1 trilhão". Segundo ele, a terceira reforma a ser feita pelo governo será a das privatizações. 

Além disso, Guedes defendeu a simplificação das ações e a redução da burocracia. "O Ministério de Indústria e Comércio não deixava simplificar", afirmou, lembrando que, em seu lugar, foi criada a Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade. 



"Já estamos segurando os concursos públicos. Vamos cortar dramaticamente o número de funcionários", acrescentou Guedes. "Acabou o empreguismo, não tem mais isso."

Importação

Guedes afirmou ainda que o governo planeja reduzir a tarifa média de importação em 1% no primeiro ano. Depois, haveria novas reduções, gradativas, até que 10% sejam reduzidos em um período de quatro anos. Este seria o processo, gradual, para abertura do mercado brasileiro.

Paulo Guedes participa da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, conhecida como Marcha dos Prefeitos. Pela manhã, estiveram presentes ao evento o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara, deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ).





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM