Jornal do Commercio
Notícia
FGTS

Saque do FGTS terá melhor contexto econômico que 2017, diz executivo

Segundo Eduardo Terra, estímulo pode melhorar crescimento do PIB

Publicado em 17/07/2019, às 13h08

Meta do governo deve ser colocar a economia em ritmo de crescimento acelerado para 2020. / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Meta do governo deve ser colocar a economia em ritmo de crescimento acelerado para 2020.
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Estadão Conteúdo

A liberação parcial de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) estudada pelo Ministério da Economia, se concretizada, será feita num contexto melhor que em 2017, na opinião do presidente da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), Eduardo Terra. O estímulo, segundo Terra, não deve dobrar o Produto Interno Bruto (PIB), mas pode melhorar o crescimento.

"Seria o remédio certo na hora certa", afirmou ao Broadcast. Para Terra, o problema dos recursos liberados das contas inativas do FGTS em 2017 é que não houve uma sequência de estímulos. Naquele ano, foram resgatados R$ 44 bilhões e o PIB encerrou em alta de 1,0%.



Por enquanto, o governo tem feito contínuas revisões para baixo sobre o crescimento da economia neste ano, com a última delas indicando uma alta de 0,81% do PIB. Segundo Terra, os saques do FGTS devem dar tração à economia, já que o pacote de reformas, na sua opinião, cria um ambiente favorável. Ele ressalta, porém, que, passada mais da metade do ano, a meta do governo deve ser colocar a economia em ritmo de crescimento acelerado para 2020.

 

Como consultar o saldo do FGTS

A porcentagem de liberação para saque depende do saldo atual da conta do trabalhador. Para conferir o extrato do FGTS, basta fazer o download do aplicativo oficial do programa, disponível no Google Play, APP Store e Windows Store.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM