Jornal do Commercio
Notícia
FGTS

FGTS aumenta lucro líquido da Caixa em R$ 684 bi, em projeção 2019, diz Guimarães

A previsão de receita total da Caixa com o FGTS em 2019 é de R$ 5,1 bilhões para este ano

Publicado em 08/10/2019, às 13h38

Em 2018, conforme Guimarães, o resultado líquido do FGTS para a Caixa foi de cerca de R$ 450 milhões. / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Em 2018, conforme Guimarães, o resultado líquido do FGTS para a Caixa foi de cerca de R$ 450 milhões.
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Estadão Conteúdo

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou nesta terça-feira, 8, que a projeção de resultado líquido do FGTS para a Caixa em 2019 é de R$ 684 milhões. Este número, segundo ele, corresponde a "quanto aumenta o lucro líquido para a Caixa com a receita do FGTS".

A previsão de receita total da Caixa com o FGTS em 2019 é de R$ 5,1 bilhões para este ano.

Hoje, a Caixa cobra uma taxa de 1% para administrar os quase R$ 550 bilhões do Fundo, que é usado para o financiamento de projetos de infraestrutura, saneamento e habitação.

Em 2018, conforme Guimarães, o resultado líquido do FGTS para a Caixa foi de cerca de R$ 450 milhões.

Os comentários de Guimarães sobre a importância do FGTS para a Caixa surgem na esteira de notícias de que o governo interessado em alterar a gestão do FGTS.



Caixa terá 3ª fase do pagamento do FGTS no dia 9, a mais 12,6 milhões de pessoas

Guimarães ainda lembrou, nesta terça, que a partir desta quarta-feira, dia 9, a instituição iniciará a terceira fase da liberação de recursos do FGTS. Segundo ele, serão liberados nesta fase R$ 5,1 bilhões para 12,6 milhões de brasileiros.

No Saque Imediato do FGTS, lançado pelo governo para estimular a economia, o trabalhador com contas ativas ou inativas do FGTS pode sacar até R$ 500, de uma só vez.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM