Jornal do Commercio
Notícia
LUCRO

BNDES registra lucro líquido de R$ 2,7 bi no terceiro trimestre

Em relação ao trimestre anterior, o resultado é estável

Publicado em 14/11/2019, às 16h10

No acumulado do ano até setembro, o lucro líquido foi de R$ 16,5 bilhões / Foto: Arquivo/Agência Brasil
No acumulado do ano até setembro, o lucro líquido foi de R$ 16,5 bilhões
Foto: Arquivo/Agência Brasil
Agência Brasil

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou um lucro líquido de R$ 2,7 bilhões no terceiro trimestre do ano. O resultado é estável em relação ao trimestre anterior, mas representa crescimento de quase 70% na comparação ao mesmo período do ano passado, quando alcançou o valor R$1,1 bilhão a menos.

No acumulado do ano até setembro, o lucro líquido foi de R$ 16,5 bilhões, um crescimento de 159,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Impulsionado por alienações de ações, o resultado com participações societárias alcançou R$ 14,7 bilhões, com aumento de 155,8%.



Também no período, a inadimplência de 90 dias passou de 1,67% para 0,08%, abaixo da média do Sistema Financeiro Nacional, de 3,05%.

Balanço

O presidente do BNDES, Gustavo Montezano, disse que apesar de o resultado em relação ao trimestre anterior ficar estável, o mais importante foi a evolução estratégica do banco. “A gente acha que está indo bem. O banco e os clientes estão reagindo bem. A ideia é ser um banco um pouco menos com foco financeiro, [e com] mais foco no impacto. A nossa função aqui é melhorar a vida do cidadão brasileiro”, disse.

“Os desembolsos, empréstimos e capacidade financeira são uma ferramenta para a gente atingir esse propósito. Essa mudança cultural de posicionamento, é substancial”, completou.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM