Jornal do Commercio
LOGÍSTICA

Empresas de logística vão instalar Centros de Distribuição em Jaboatão

DHL e Sequoia vão investir mais de R$ 10 milhões em Jaboatão e gerar 600 empregos diretos

Publicado em 11/05/2018, às 05h04

Representantes da Sequoia se reuniram com o prefeito de Jaboatão Anderson Ferreira / Foto: Divulgação
Representantes da Sequoia se reuniram com o prefeito de Jaboatão Anderson Ferreira
Foto: Divulgação
Da Editoria de Economia

Jaboatão dos Guararapes foi escolhida como a base para os Centros de Distribuição (CD) das empresas alemã DHL e a brasileira Sequoia, ambas voltadas para o setor de logística. O objetivo é expandir as atividades no Nordeste. Para isso, a Sequoia anunciou investimento inicial de R$ 10 milhões. A DHL não divulgou o valor que vai investir. A previsão é de geração de 600 empregos diretos.

As duas empresas vão ficar no condomínio logístico Armazenna, às margens da BR-101, em Jaboatão. Para se instalarem no município, vão receber redução do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), que varia entre 2% e 5%. Os valores ainda serão definidos.

“Nosso planejamento para 2018 é criar polos no município. Já criamos polo de call center. Agora, vamos desenvolver o polo logístico. Estamos planejando viagem a São Paulo e vamos procurar algumas empresas para vender o município. Jaboatão se destaca na área logística por causa de vários fatores, como a localização estrátegica”, afirma o secretario de Desenvolvimento Econômico, Sidnei Aires.



O projeto do polo logístico começa com a chegada da DHL e a Sequoia. A alemã conecta pessoas em 220 países através de serviços de gerenciamento, soluções de transporte e armazenamento. A empresa deve gerar 300 empregos, segundo a Prefeitura de Jaboatão.

Já a Sequoia é uma empresa paulista que oferece soluções logísticas. Atua em segmentos como moda, banco, educação, cosméticos e eletroeletrônicos. No Armazenna, vai começar em uma área de pouco mais de dois mil metros quadrados. Até o fim de 2018, pretende ocupar dez mil metros quadrados.

“Nosso plano é estar em todos os estados do Nordeste em até dois anos. As próximas etapas da expansão são Salvador e Fortaleza. No início, vamos contratar 140 empregados. As vagas serão divulgadas em faculdades e via agência de trabalho local. Nossa atuação é muito forte no Sudeste e Sul do País. Com a abertura do Nordeste vamos trazer para cá clientes ativos da nossa carteira. Estamos prospectando 200 clientes”, afirma o diretor consultivo e comercial para o Nordeste da Sequoia, Edward Montarroios.


Recomendados para você


Comentários

Por Alexandra,15/05/2018

Onde posso entregar currículo para participar da seleção?



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM