Jornal do Commercio
PARALISAÇÃO CAMINHONEIROS

Justiça dá prazo para caminhoneiros liberarem acesso a Suape

Até esta tarde, oito caminhões que deveriam abastecer aviões no aeroporto estavam retidos

Publicado em 24/05/2018, às 16h30

Por conta do bloqueio nos acessos a Suape, Uma média de 1.600 a 2.000 caminhões/dia (70% de combustíveis) estão deixando de ter acessar o porto / Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Por conta do bloqueio nos acessos a Suape, Uma média de 1.600 a 2.000 caminhões/dia (70% de combustíveis) estão deixando de ter acessar o porto
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
JC Online

A juíza Nahiane Ramalho de Mattos, da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Ipojuca, no Grande Recife, determinou, nesta quinta-feira (24), o prazo máximo de duas horas para que os caminhoneiros liberem o tráfego de veículos com cargas necessárias à segurança das operações dentro do Porto de Suape e ao abastecimento da população.

De acordo com a juíza, "a essa altura dos acontecimentos, com o protesto e a obstrução da rodovia que já duram 4 dias, já
nem se fala mais tão somente em risco de desabastecimento. Esse é real, e afeta a autora (Porto de Suape)e toda a população", descreve ela do despacho.


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

Para o cumprimento da ação, a magistrada deu prazo máximo de duas horas, sob pena de multa única no valor de R$ 100 mil, "sem prejuízo de responsabilização pessoal administrativa e penal daqueles que vierem a obstaculizar o cumprimento da medida."

A juíza também autorizou o uso de força policial para assegurar o cumprimento dessa decisão, podendo, inclusive, proceder com a remoção de veículos, caminhões, carros de som e outros objetos, meios e pessoas que estejam impedindo o cumprimento dessa determinação judicial. Além do uso de ligação direta dos veículos e reboque para o acostamento ou para estacionamento público ou privado às custas do proprietário/responsável pelo veículo.



Por conta do bloqueio nos acessos a Suape, Uma média de 1.600 a 2.000 caminhões/dia (70% de combustíveis) estão deixando de ter acessar o porto. Além disso, 1.800 veículos importados estão no Pátio Público de Veículos 1 e não foram escoados via rodoviária.

Um volume de aproximadamente 5 mil TEUs (medida equivalente a um contêiner de 20 pés) está parado nas dependências da empresa também por falta de escoamento.

Voos

Caso seja cumprida a decisão, o aeroporto do Recife também será beneficiado. Na noite dessa terça-feira (22), a juíza federal Daniela Zarzar Pereira de Melo Queiroz expediu decisão, após a Infraero informar que 70 voos seriam prejudicados no terminal, para que um comboio de oito caminhões-tanque fossem abastecidos com querosene de aviação (QAV) no porto. Até o início desta tarde, entretanto, os veículos não tinham conseguido deixar os pátios de Suape. A falta de abastecimento das aeronaves, já provocou cancelamento de voos da empresa Azul, inclusive com destino a Fernando de Noronha. 




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM