Jornal do Commercio
PROTESTO

Bancários podem deflagrar greve por tempo indeterminado a partir do dia 20

Com a categoria dos bancários em campanha salarial, nesta sexta-feira os bancos paralisaram parcialmente as atividades

Publicado em 10/08/2018, às 19h44

Bancários pedem 9% de reajuste salarial e limitações na terceirização de funções / Foto:Divulgação
Bancários pedem 9% de reajuste salarial e limitações na terceirização de funções
Foto:Divulgação
Editoria de Economia

Segundo o Sindicato dos Bancários de Pernambuco, cerca de 40 agências localizadas no Recife e Região Metropolitana ficaram fechadas das 10h ao meio-dia desta sexta-feira (10) por conta do estado de greve, deflagrado nacionalmente nessa quinta-feira (9). A paralisação parcial também marcou a participação dos bancários no Dia do Basta, promovido pelas centrais sindicais. A defesa dos bancos públicos e do emprego deram o tom da mobilização.

Os bancários estão em campanha salarial antecipada e, na próxima sexta-feira (17), haverá uma nova rodada de negociações quando a categoria pode decidir por uma greve por tempo indeterminado a partir da segunda-feira (20). Os bancários negociam com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) , entre outros pontos, 9% de reajuste salarial e a não terceirização de atividades como gerência e escrituração.



BANCOS

A presidente do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Suzineide Rodrigues, destaca que a mobilização é de âmbito nacional e envolve diversas categorias. “ Estamos lutando contra às privatizações, o desemprego, à terceirização e à reforma trabalhista que prejudicam a classe trabalhadora. Estamos trazendo a nossa luta em defesa a Caixa 100% pública, do Banco do Brasil e Banco do Nordeste, que são fundamentais para o desenvolvimento do País”, afirma.

A Fenaban informou que iniciou a negociação com os bancários em junho deste ano, dois meses antes da data-base da categoria (1º de setembro), para permitir “o amplo diálogo” e apresentou proposta de repor a inflação deste ano (prevista para ficar em torno de 4%) oferecendo ainda participação nos lucros e resultados dos bancos.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Jose Mario,11/08/2018

Vamos neste pais, implantar o Alcorao e o Islamismo para por Ordem e Moral no Brasil. Do contrario seremos Sodoma e Gomorro. Vamos Reagir. SO ALA E DEUS.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM