Jornal do Commercio
Mundial

Após Bélgica cair, brasileiros se 'vingam' do prefeito de Bruxelas

Internautas inclusive marcaram o prefeito nas redes sociais

Publicado em 11/07/2018, às 16h35

Brasileiros ironizaram montagem feita antes com Neymar / Reprodução/Twitter
Brasileiros ironizaram montagem feita antes com Neymar
Reprodução/Twitter
JC Online

A vitória da França sobre a Bélgica, na semifinal da Copa do Mundo da Rússia, foi um prato cheio para os brasileiros, que perderam para os belgas nas quartas de final do Mundial, se "vingarem". O principal alvo foi o prefeito de Bruxelas, Philippe Close, que tirou sarro com Neymar após o êxito nas quartas.

Logo após a vitória francesa, os brasileiros fizeram inúmeras montagens nas redes sociais envolvendo o prefeito da capital da Bélgica. Muitos inclusive pegaram a montagem do próprio, que colocou Neymar caído perto de uma estátua fazendo "xixi", para ironizar o time belga. Até marcaram Close nas redes sociais. O mandatário de Bruxelas não se manifestou.



O monumento das montagens é o Manneken Pis. A estátua é feita de bronze e um dos símbolos da cidade.

CONFIRA ABAIXO AS MONTAGENS:


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM