Jornal do Commercio
Crítica

Casagrande detona Neymar: 'Camisa 10 ridicularizada e debochada'

Comentarista cobrou responsabilidade do jogador

Publicado em 12/07/2018, às 22h33

Neymar ficou marcado por simular faltas na Copa / AFP
Neymar ficou marcado por simular faltas na Copa
AFP
JC Online

Em sua coluna publicada nesta quinta-feira, na revista GQ, o ex-atacante Walter Casagrande, que também comenta na Globo, questionou e criticou as atitudes do atacante Neymar, do Paris Saint-Germain e da seleção brasileira. Para o ex-jogador, Neymar está fazendo a camisa 10 do Brasil ser ridicularizada e debochada.

Casagrande destacou no texto que o número passou por grandes nomes como Pelé, Zico, Rivaldo e Ronaldinho Gaúcho e que eles mantiveram o nível. Com Neymar, contudo, o comentarista não exerga essa sequência e critica. "A 10 amarela do Brasil é exibida no mundo todo rolando no chão. A 10 do Brasil, aquela de Pelé, está sendo ridicularizada e debochada", lamentou.



Casagrande ainda cobrou responsabilidade e humildade de Neymar. "Não pode ficar rolando no chão", alfinetou.

Após a Copa do Mundo, Neymar ficou marcado por exagerar nas faltas e simular lances. Tanto que não só torcedores, mas técnicos e jogadores estão criticando o jogador.


Palavras-chave


Comentários

Por valter da silveira soares,15/07/2018

Neymar é mais um guri que gahou dinheiro demais para a idade e nao se preparou, ate porque quem deveria prepara-lo participa das gandais conf, videos na internet que é seu papai.

Por ronaldo,13/07/2018

Falta ele pagar os "pregos",conhecido como CALOTE, à RECEITA FEDERAL e responder,obviamente,por esse crime. Vamos esperar o golpista TEMER,que dele é aliadinho,cobrar os milhões que ele desviou do povo brasileiro.

Por Fica Temer,13/07/2018

Se única coisa ridícula do país fosse o camisa 10 da seleção, nós estaríamos num paraíso. Estamos sim, num lugar que não existe uma só instituição confiável, vejam o poder executivo, legislativo, judiciário e o povo em geral, uma podridão só; dificilmente encontramos algo bom, justo e transparente.

Por Fica Temer,13/07/2018

Se única coisa ridícula do país fosse o camisa 10 da seleção, nós estaríamos num paraíso. Estamos sim, num lugar que não existe uma só instituição confiável, vejam o poder executivo, legislativo, judiciário e o povo em geral, uma podridão só; dificilmente encontramos algo bom, justo e transparente.

Por Clovis Correia Neto,13/07/2018

Apoio totalmente as declarações do Ex-Jogador, Campeão de Copa do Mundo, e ninguém mais para que se defina como um "técnico" no assunto, acho que esse Jogador é muito fraco, as pessoas o idolatram muito e ele sequer detém uma conduta adequada para ser alvo de tanto Marketing. Em verdade, quem faz muito Marketing da pessoa dele é muito bobo ou muito bem pago. Sabemos que o Futebol é um esporte muito valorizado em nosso país, não pode se sobrepor claro, a questões de grande importância, isso não se compara, mas também sabemos que Esporte é vida, saúde e o desempenho desses jogadores impactam tanto nos Jovens, e em especial neste jogador, que é um cara MUITO BEM remunerado, e graças apenas a Deus e sua assessoria, pois ele não vem jogando como vem sendo bem pago, no entanto influencia muitos jovens a beber refrigerantes, vestir marcas, ter uma namorada que parece uma criança e usar muitas tatuagens pelo corpo, apenas isto, o que mais se pode dizer? ah sim, rolar pelo chão até não poder mais, e cair no chão. Estava Lesionado? ok. E por que foi jogar? Tem médico pessoal, tem assessoria pra isso. Enquanto não perder valor de mercado, não vai voltar a jogar futebol.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM