Jornal do Commercio
BICAMPEÃO

Didier Deschamps iguala feito de Zagallo e Beckenbauer

O técnico se tornou campeão como jogador e treinador, assim como o brasileiro e o alemão

Publicado em 15/07/2018, às 14h30

Deschamps foi jogado pelos jogadores em comemoração / AFP
Deschamps foi jogado pelos jogadores em comemoração
AFP
Leonardo Vasconcelos

O brasileiro Mário Zagallo, o alemão Franz Beckenbauer e agora o francês Didier Deschamps. Apenas eles alcançaram a glória de ser campeões mundiais como jogadores e treinadores. O francês levantou a taça da Copa do Mundo de 1998 e neste domingo (15) levou a sua seleção a ganhar a sua segunda estrela. 

"Eu não estou pensando em mim, mas evidentemente eu sinto orgulho disso. É preciso ganhar títulos. Me fez tão mal perder o título de perder a Eurocopa. Mas isso serviu para nos dar mais força. O jogo pertence aos jogadores, foram eles que ganharam a partida, eles que são campeões do mundo", afirmou Deschamps. 

O treinador destacou a atuação do seu time. "Eu estou feliz por esse grupo porque já temos uma longa jornada, nunca foi algo simples. É resultado de muito trabalho. Passamos por alguns momentos difíceis, mas agora eles estão no teto do mundo por quatro anos", disse.




Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

 

CARREIRA

Como jogador, Deschamps atuou em grandes clubes como Olympique de Marselha, Juventus e Chelsea. Foi vencedor duas vezes da Liga dos Campeões e venceu diversos campeonatos nacionais. A caminhada como técnico começou assim que encerrou sua carreira como jogador. Em 2001 assumiu o Monaco, da França, e alcançou o vice-campeonato da Liga dos Campeões em 2004. Foi campeão da Série B com a Juventus em 2007 e, em 2009, assumiu o Olympique de Marselha. Lá, foi campeão da Copa da Liga Francesa e do Campeonato Francês na mesma temporada..

Em 2012 foi convidado para treinar a seleção francesa. Passou por sufoco nas Eliminatórias para a Copa de 2014, vencendo a Ucrânia na repescagem. Segundo o próprio Deschamps, aquela vitória salvou seu cargo na seleção. Em 2016 foi finalista da Eurocopa, sendo derrotado para Portugal. 




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM