Jornal do Commercio
FESTA

Vinte anos depois a França conquista o bi da Copa do Mundo

Os franceses ganharam por 4x2 da Croácia em um jogo eletrizante.

Publicado em 15/07/2018, às 13h53

Os franceses voltam a comemorar a conquista de uma Copa do Mundo depois de 1998 / AFP
Os franceses voltam a comemorar a conquista de uma Copa do Mundo depois de 1998
AFP
Leonardo Vasconcelos

Vinte anos depois a França fez o mundo se curvar a ela novamente. Os campeões de 1998 em cima do Brasil dominaram desta vez os croatas e conquistaram o bi ao ganhar por 4x2, na tarde deste domingo (15), no estádio Luzhniki, em Moscou. Os gols foram marcados por Pogba, Griezmann e Mbappé para a França, enquanto Mandzukic anotou contra e a favor da Croácia, além de Perisic. Os croatas foram valentes, mas o franceses mostraram que mereceram o segundo título mundial.  


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

 

O JOGO

A incansável Croácia começou o jogo com uma disposição que em nada lembrava as três prorrogações seguidas. Sedenta pelo primeiro título mundial, marcou em cima pressionou bastante a França e criou algumas oportunidades, mas pecou nas finalizações. Os franceses apenas assistiam a partida até que Griezmann tentou passar pela marcação e caiu pedindo falta. O juiz argentino Néstor Pitana, erroneamente, deu. Na cobrança, aos 17 minutos, o próprio Griezmann jogou a bola na área que acabou sendo desviada por Mandzukic e entrou na meta croata.

A reação não demorou. Novamente em cobrança de falta, os croatas tentam jogada ensaiada e a bola sobra para Perisic. Com categoria, ele consegue dominar a bola e soltar a bomba com o pé esquerdo. Partida empatada em Moscou em 1x1. Aos 33 minutos, quando Griezmann cobrou escanteio e Perisic desviou a bola com a mão entrou em campo um dos principais personagens desta Copa: o VAR. Após revisão, o juz percebeu o toque e assinalou o pênalti. Griezmann cobrou no canto esquerdo de Subasic e colocou a França novamente na frente: 2x1.

Na segunda etapa, a Croácia voltou disposta a empatar novamente e logo levou perigo com Perisic em duas oportunidades. Em ambas, Lloris fez boas defesas, uma na ponta dos dedos e outra se antecipando como líbero. Aos sete minutos, o detalhe fora do script. O jogo foi interrompido depois que alguns torcedores invadiram o gramado. Aos 13 minutos, Pogba fez um bom lançamento para Mbappé que cruzou para Griezmann e rolou a bola para o próprio Pogba. Ele tenta primeiro com o pé direito e explode na zaga. Na segunda tentativa, com o pé esquerdo, o destino foi as redes: 3x1.



Aos 19, a jovem estrela francesa finalmente apareceu de forma decisiva. Mbappé recebeu a bola na entrada da área e bateu firme no canto de Subasic, para marcar o quarto gol. Quatro minutos depois, os croatas mostraram que ainda acreditavam na virada. Mandzukic acreditou em uma bola dominada por Lloris que foi displicente e a deixou para o atacante completar e diminuir a diferença no placar: 4x2. Os croatas mostraram valentia e lutaram até o fim, mas os franceses controlaram o jogo e no final conquistaram o bicampeonato mundial. 

FICHA TÉCNICA - FRANÇA 4 x 2 CROÁCIA

FRANÇA - Lloris; Pavard, Varane, Umtiti e Hernandez; Kante (Nzonzi), Pogba, Matuidi (Tolisso), Griezmann e Mbappé; Giroud (Fekir). Técnico: Dider Deschamps.

CROÁCIA - Subasic; Vrsaljko, Lovren, Vida e Strinic (Pjaca); Brozovic, Rakitic, Perisic, Modric e Rebic (Kramaric); Mandzukic Técnico; Zlatko Dalic.

GOLS - Mandzukic (contra), aos 18, Ivan Perisic, aos 27, e Griezmann, aos 37 minutos do primeiro tempo; Pogba, aos 14, e Mbappé, aos 19, e Mandzukic, aos 24 minutos do segundo. CARTÕES AMARELOS - Kanté, Hernandez e Vrsaljko. ÁRBITRO - Nestor Pitana (ARG). PÚBLICO - 78.011 torcedores. LOCAL - Estádio Luzhniki, em Moscou.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM