Jornal do Commercio
Chapecoense

Alan Ruschel já consegue sentar e fazer exercícios

Informações são da irmã do jogador, Amanda Ruschel

Publicado em 06/12/2016, às 13h59

Alan foi o primeiro passageiro do avião a ser encontrado com vida / Chapecoense/Site Oficial
Alan foi o primeiro passageiro do avião a ser encontrado com vida
Chapecoense/Site Oficial
JC Online

Alan Ruschel, um dos sobreviventes do acidente aéreo que vitimou 19 jogadores da Chapecoense na semana passada, apresenta boa evolução no quadro clínico. De acordo com sua irmã Amanda, que vem atualizando as informações sobre o jogador através das redes sociais, o lateral já consegue conversar, sentar e fazer exercícios.

“O Alan vem progredindo muito, está falando bastante. Marina nos informou que ele já sentou, fez exercícios e fisioterapia. Ficamos felizes, com cada evolução dele, uma grande vitória. Muita gente perguntando quando ele volta... Não tem previsão ainda. O importante é que ele está muito bem," escreveu Amanda, em sua página no Instagram.

Alan foi o primeiro passageiro do avião a ser encontrado com vida. Com fratura vertebral, precisou ser submetido a cirurgia, mas apresenta boas perspectivas de melhora. O jogador já até brincou com os médicos da UTI, pedindo um churrasco. 



EVOLUÇÃO

Na segunda, os médicos em Rionegro, perto de Medellín, na Colômbia, haviam afirmado que a evolução do paciente podia ser medida pelo fato de poder sentar, o que era previsto para os próximos dias. Mas já nesta terça o lateral já conseguiu sentar, segundo o depoimento da irmã. 

“O Alan está bem, sem sinal de infecção e está estável, não há grande alteração. Nas próximas 24 horas deve sentar fora do leito", comunicou o médico intensivista Edson Stakonski, no Hospital San Vicente, em Rionegro.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM