Jornal do Commercio
Mundial

Fifa sugere que TVs evitem mostrar ''torcedoras bonitas'' na Copa

A Fifa destacou que a medida foi feita porque existem mais casos de sexismo do que racismo na Rússia.

Publicado em 12/07/2018, às 19h32

Muitos casos de assédio foram registrados na Rússia.  / Foto: AFP
Muitos casos de assédio foram registrados na Rússia.
Foto: AFP
JC Online

Nesta quinta-feira, a Fifa determinou que as emissoras de televisão devem evitar a exposição de "torcedoras bonitas" durante a transmissão das últimas partidas. O chefe do departamento de responsabilidade social da organização, Federico Addiechi, destacou que a medida foi feita porque existem mais casos de sexismo do que racismo na Rússia. 

Segundo a Farework, Organização não governamental (ONG) parceira da Fifa e responsável pelo monitoramento de discriminação e racismo, foram registrados 45 casos de sexismo e assédio a mulheres durante a disputa do Mundial. Desse número, 15 foram jornalistas atacadas e beijadas à força por torcedores. 

“Estes casos que aconteceram fora dos estádios e soubemos pela mídia e redes sociais, que nos permitem monitorar de uma maneira muito melhor a situação”, disse Addiechi.



Federico também destacou que torcedores passaram a ser impedidos de entrar nos estádios. Ele declarou que, ainda que sérios, o número de ocorrências deste tipo de incidente foi pequeno diante de mais de um milhão e meio de torcedores, dos quais 700 mil vieram do exterior. Para o chefe da entidade, o que ocorreu na Rússia não é uma novidade em relação ao que foi visto há quatro anos na Copa de 2014 no Brasil. 

A Fifa, apesar de ser quem comanda o Mundial, admitiu “desconhecer” quantos torcedores foram impedidos de entrar em estádios e tiveram as credenciais retiradas. Existem pelo menos 28 casos públicos, com 24 argentinos que se envolveram numa briga e outros quatro brasileiros que teriam cometido assédio. Uma das ideias é a de usar o FAN ID (crachá de identidade) também para os jogos do campeonato russo, na esperança de criar maior disciplina.

JOGOS

A disputa entre Bélgica e Inglaterra, que buscam a terceira posição no torneio, será amanhã às 11h. A final entre França e Croácia está marcada para domingo às 12h.


Palavras-chave


Comentários

Por Sávio,13/07/2018

Tem de mostrar tudo em um copa dentro do estádio, agora o que tem de ir para a cadeia são os palhacinhos de plantão

Por Clovis Correia Neto,12/07/2018

Tanta coisa a ser proibida na Rússia, tanta coisa a não ser proibida, tanta coisa a ser condenada no mundo ou na Rússia, enfim né, temos que aprender Russo e ler as Leis de lá pra saber o tamanho do problema. Vladimir Putin está no poder há uns 20 anos né? Então a Rússia tem o ordenamento jurídico que os seus cidadãos pediram ao colocar seus governantes no poder.

Por Daniel,12/07/2018

A disputa pelo terceiro lugar vai ser amanhã???? Vai ser no sábado, 11h.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM