Jornal do Commercio
TRAGÉDIA

Incêndio no CT do Flamengo deixa 10 mortos e três feridos

Entre os feridos, há um em estado grave, segundo o Corpo de Bombeiros

Publicado em 08/02/2019, às 07h16

Imagens aéreas divulgadas pela TV Globo mostraram uma parte da área do CT completamente destruída por chamas / Foto: Reprodução/TV Globo
Imagens aéreas divulgadas pela TV Globo mostraram uma parte da área do CT completamente destruída por chamas
Foto: Reprodução/TV Globo
Estadão Conteúdo

Um incêndio deixou dez mortos e três pessoas feridas no Centro de Treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, zona oeste do Rio, na madrugada desta sexta-feira (8). Segundo os bombeiros, dez pessoas morreram e outras três foram levadas para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca.

De acordo com informações da TV Globo, o alojamento abrigava adolescentes que jogavam nos times de base do Flamengo. Parentes estão no local em busca de informações.



FERIDO EM ESTADO GRAVE

Os bombeiros foram acionados às 5h17 da manhã. Entre os feridos, há um em estado grave. Por volta das 7h, as chamas foram controladas, mas ainda não há informações sobre quem são os mortos e a situação dos feridos. Imagens aéreas divulgadas pela TV Globo mostraram uma parte da área do CT completamente destruída por chamas.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC 100 anos JC 100 anos
Para marcar os 100 anos de fundação, o JC publica este especial com um panorama do que se passou neste período em que o jornal retratou o mundo, com projeções de especialistas sobre o que vem por aí e com os bastidores da Redação do Jornal do Commercio
Sozinha nasce uma mãe Sozinha nasce uma mãe
Uma palavra se repete na vida dela: sozinha. Porque estava sozinha na gravidez. Sozinha na hora do parto. Sozinha nas primeiras noites de choro. Sozinha nos primeiros passos. Sozinha no registro civil. O JC conta histórias de luta das mães sozinhas
Segunda chance - Caminhos para ressocializar Segunda chance - Caminhos para ressocializar
Eles saem das prisões, mas as prisões não saem deles. Perseguem-nos até o final de suas vidas. Como uma condenação perpétua. Pena. Eles lamentam. Mas precisam seguir. E neste difícil caminho da ressocialização, o trabalho é uma espécie de absolvição.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM