Jornal do Commercio
Notícia
série b

Presidente da FPF tenta negociar dívida do Sport com emissora de TV

Evandro Carvalho está no Rio de Janeiro para negociar diretamente com a CBF e a emissora condições de pagamento da dívida de 18 milhões do Sport

Publicado em 14/05/2019, às 11h45

Evandro Carvalho diz que Sport não tem condições de pagar dívida e pagar salários / Acervo JC Imagem
Evandro Carvalho diz que Sport não tem condições de pagar dívida e pagar salários
Acervo JC Imagem
JC Online

O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, está no Rio de Janeiro para tentar resolver um problema financeiro do Sport. De acordo com o mandatário, ele e representantes do Leão tentam negociar o pagamento de 18 milhões de cotas adiantadas da Rede Globo junto à Confederação Brasileira de Futebol. Evandro frisou que esse é um problema da gestão de João Humberto Martorelli. 

"O Sport teve um problema que já estamos debruçados sobre ele há algumas semanas, que foi a questão do adiantamento de uma cota no valor de 18 milhões das cotas do televisionamento da Rede Globo. Não foi a gestão de Arnaldo (Barros), foi a gestão anterior (de Martorelli) fez esse adiantamento de 18 milhões, esse adiantamento venceu e a Globo buscou receber. O que nós estamos tentando fazer em uma operação envolvendo a CBF, Rede Globo, com o aval da Federação é tentar, primeiro, amortizar só 20% desse débito, congelar ou dividir o restante", explicou Evandro Carvalho, em entrevista à Rádio Jornal.



DIFICULDADES

O presidente falou que a negociação tem sido difícil porque a Globo quer receber o dinheiro e o Sport não tem condições de pagar. "É um trabalho muito grande que vem fazendo o Frederico, vice-presidente do Sport e o diretor financeiro, Milton Bivar e eu. Estamos trabalhando duramente, mas infelizmente a Rede Globo tem passado por dificuldades e tem uma posição muito exigente que quer receber o dinheiro dela. Isso não se discute. Mas não há como pagar. Porque se pagar o Sport fica sem uma receita para jogar. O trabalho todo é conseguir encontrar uma solução que permita pagar alguma coisa à Globo e permita ao clube sobreviver e pagar seus compromissos salariais", alertou.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM