Jornal do Commercio
Notícia
copa américa

Torcedor sofre para retirar ingressos para os jogos da Copa América

A seleção brasileira estreia na Copa América na noite da sexta-feira, contra a Bolívia. Torcedores têm dificuldade para retirar ingresso no único ponto disponibilizado

Publicado em 13/06/2019, às 10h11

Seleção estreia na sexta-feira / Lucas Figueiredo/CBF
Seleção estreia na sexta-feira
Lucas Figueiredo/CBF
JC Online

Os torcedores que compraram ingressos para a Copa América têm enfrentado filas para a retirada dos bilhetes no Memorial da América Latina, em São Paulo. Na quarta-feira, por exemplo, a demora chegou a duas horas. No dia anterior também. A disputa começa nesta sexta-feira, entre Brasil e Bolívia, no estádio do Morumbi.

Os organizadores alegam que a demora se justifica por causa de medidas de segurança. "É uma burocracia necessária para evitar ação de cambistas. São medidas para que o torcedor se sinta seguro. Recomendamos que o torcedor vá aos centros de retirada o quanto antes. Quanto mais perto do jogo, as filas podem ser maiores", disse Thiago Jannuzzi, gerente-geral de Competição da Copa América.

MEDIDAS DE SEGURANÇA

Para retirar o ingresso, o torcedor precisa levar o voucher impresso, um documento com foto e o cartão de crédito utilizado na compra pelo site. Quem comprou meia-entrada precisa apresentar a carteirinha, e o bilhete é nominal. Após isso, é tirada uma foto do torcedor segurando o documento e o cartão.



"É inadmissível que seja só um ponto de retirada de ingressos em uma cidade do tamanho de São Paulo. Também acho que a maneira de controle não é correta, com muitas etapas burocráticas. O atendimento foi ótimo, mas a burocracia do sistema atrapalha", reclama o advogado Fernando Gimenez, de 44 anos, que enfrentou a fila com a mulher e os dois filhos.

O Memorial da América Latina tem recebido nos últimos dias uma quantidade maior de torcedores estrangeiros. O chileno Diego Miranda chegou ao Brasil na madrugada de quarta-feira e foi com os três amigos retirar os ingressos no local. "Saímos do aeroporto às 6 horas e fomos ao Morumbi, achando que a retirada fosse lá. Depois viemos para cá ainda com as malas, porque não sabíamos que teria uma fila tão grande", comentou o eletricista chileno de 26 anos.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM