Jornal do Commercio
Análise
copa do mundo

Com Marta quebrando recorde, Brasil vence Itália

A seleção brasileira garantiu vaga nas oitavas de final

Publicado em 18/06/2019, às 17h57

Marta marcou seu 17º gol em Copas. / Foto: AFP
Marta marcou seu 17º gol em Copas.
Foto: AFP
Karoline Albuquerque
Do Blog do Torcedor

Bastava o 0x0 para Itália e Brasil passarem de fase na Copa do Mundo França-2019. E apesar do jogo com chances, mas sem gols durante 74 minutos, as brasileiras conseguiram a vitória por 1x0 na tarde desta terça-feira (18), no Stade du Hainaut, em Valenciennes. O gol foi marcado por Marta, de pênalti, no segundo tempo e a seleção garantiu a vaga nas oitavas de final.

Apesar da vitória, o Brasil ficou com a 3ª colocação do Grupo C. Isso porque a Austrália venceu a Jamaica por 4x1 no mesmo horário, passando a Canarinha em saldo. A próxima adversária da seleção, porém, ainda vai ser definida.

PRESSÃO BRASILEIRA

O jogo começou bem equilibrado entre as duas seleções. Afinal, a igualdade sem gols classificam as duas. Mas, o Brasil aproveitou sua superioridade de posse e pressionou bastante, durante cerca de dez minutos, com chances claras de gol. Aos 17 minutos, Marta cobrou escanteio e Debinha, de calcanhar, chutou para o gol. A goleira defendeu a queima roupa.

A pressão seguiu em mais duas cobranças de escanteio seguidas. No segundo, quase que a camisa 10 marca um gol olímpico e mais uma vez a goleira Giuliani fez a defesa. No último escanteio, Kathellen cabeceou para fora. Dois minutos depois, Debinha ajeitou de cabeça na pequena área e a zaga chegou antes de Cristiane para afastar o perigo.

Debinha seguiu com o protagonismo das boas chances brasileiras. Aos 22 minutos, Andressinha cobrou falta, levantando na entrada da grande área, a camisa 9 brasileira pegou e mandou muito perto da trave esquerda de Giuliani.

PRESSÃO ITALIANA

A resposta veio com pressão italiana. No minuto seguinte, Cernoia chegou perigosamente na área brasileira, mas a bola saiu antes de Giancati chegar. Aos 28 minutos, a Itália chegou a balançar as redes, mas Girelli estava em posição de impedimento e gol foi anulado.



Outros dois sustos chegaram à área brasileira. Primeiro, Linari cabeceou sozinha, após cobrança de escanteio, mas Kathellen estava atenta e afastou. Pouco antes do fim, foi a vez de Bárbara se destacar. Ela fez uma ótima defesa, bem perto do gol e Monica pegou a bola, saindo curto com Andressinha, que conseguiu sair e afastar.

RITMO

A intensidade do jogo caiu no segundo tempo, o que não diminuiu a vontade do Brasil. Aos 6 minutos, Tamires sofreu falta na meia lua. Andressinha foi para a cobrança e mandou a bola direto no travessão. Depois, Andressinha mais uma vez cobrou falta, levantando do meio de campo para a área. Kathellen subiu e cabeceou rente à trave direita. Outra chance chegou logo que Bia Zaneratto entrou em campo. Na pequena área, ele tocou também perto da barra.

Mas o gol brasileiro sairia. Aos 28 minutos, Debinha sofreu um pênalti incontestável. Tanto que o VAR nem chegou a ser consultado. A cobrança foi da jogadora seis vezes melhor do mundo. Com a bola na rede decretando a vitória brasileira, Marta chegou a 17 gols em Copas e é a maior artilheira da competição entre homens e mulheres.

FICHA DA PARTIDA - ITÁLIA 0x1 BRASIL

Itália: Giuliani; Guagni, Gama, Linari e Bartoli (Boattin); Giugliano, Galli e Cernoia; Giacinti (Bergamaschi), Girelli (Mauro) e Bonansea. Técnica: Milena Bertolini

Brasil: Bárbara; Letícia Santos, Kathellen, Mônica e Tamires; Thaísa, Andressinha e Marta (Luana); Ludmila, Debinha e Cristiane (Bia Zaneratto). Técnico: Vadão

Copa do Mundo França 2019 (3ª rodada - Grupo C) Local: Stade du Hainaut, Valenciennes Árbitra: Lucila Venegas (MEX) Assistentes: Mayte Chavez e Enedina Caudillo (ambas do México) Gol: Marta, aos 28' do 2T (B) Cartões amarelos: Bartoli (I); Letícia Santos e Kathellen (B)




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM