Jornal do Commercio
Notícia
copa américa

Cavani comemora liderança do Uruguai e classificação na Copa América

Cavani fez o gol da vitória por 1x0 do Uruguai sobre o Chile. Agora a Celeste se prepara para enfrentar o Peru no próximo sábado, em Salvador

Publicado em 25/06/2019, às 08h51

Cavani tem dois gols na Copa América / AFP
Cavani tem dois gols na Copa América
AFP
JC Online

A vitória por 1x0 sobre o Chile garantiu ao Uruguai a liderança do grupo C da Copa América, resultado considerado bastante importante para Cavani. Autor do único gol da partida, o atacante comemorou o feito e a classificação para a próxima fase do torneio. 

"Nós precisávamos vencer. Nós queríamos passar em primeiro no grupo, sem saber o que vinha depois, e deixar uma boa imagem e continuar com essa atitude que vínhamos mantendo até agora", disse o uruguaio, em entrevista ao Sportv.



AVALIAÇÃO

O jogador do Paris Saint-Germain também avaliou o desempenho da equipe. "Foi uma partida muito difícil, o Chile é muito dinâmico e eu acredito, que jogando bem ou não, mas sempre com a mesma atitude levamos em frente essa partida", contou Cavani, que completou. "Para mim, todos os gols significam o mesmo. Fazer um gol com esta camisa é o mais lindo que pode acontecer com qualquer jogador, de modo que todos os gols são iguais para mim. Gols são importantes porque nos dão a vitória e nos ajudou a passar em primeiro. As partidas passam, outras vêm", enfatizou o atacante, que tem dois gols na Copa América.

O adversário do Uruguai na próxima fase será o Peru, neste sábado, às 16h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador.


Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM