Jornal do Commercio
Notícia
internacional

Diretoria do PSG inicia plano para recomeço de Neymar no clube

Neymar voltará para o PSG após os dois amistosos pela seleção brasileira. Clube francês estuda estratégia para reintegrar o jogador ao grupo novamente

Publicado em 11/09/2019, às 08h54

Neymar vai fazer sua reestreia no PSG em breve / AFP
Neymar vai fazer sua reestreia no PSG em breve
AFP
JC Online

Após os amistosos da seleção brasileira, Neymar se reapresentará ao Paris Saint-Germain e finalmente estreará na temporada pelo clube francês. A partida que marcará o reencontro do jogador com a torcida depois de um período atribulado durante a janela de transferências será neste sábado, no estádio Parque dos Príncipes, em Paris, contra o Strasbourg, pela quinta rodada do Campeonato Francês.

A diretoria do Paris Saint-Germain espera fazer desse jogo o passo inicial para um recomeço. O plano para recuperar Neymar e salvar os primeiros meses da temporada será dividido em três frentes. A mais complicada, inicialmente, será fazer com que os torcedores criem novamente empatia com o jogador.

Na abertura do Campeonato Francês, diversas faixas foram estendidas nas arquibancadas criticando o brasileiro pelo fato de ter manifestado interesse em deixar o clube na janela de transferências. Os dirigentes procuraram duas organizadas para tentar selar a paz, mas não obtiveram garantias de que haveria uma trégua.

O segundo obstáculo dos dirigentes do Paris Saint-Germain, que tem Leonardo como diretor de futebol, será o de controlar as declarações de Neymar pai. Mesmo com o encerramento da janela de transferências, ele continua lamentando o fato de o filho ter permanecido em Paris. No último final de semana, durante uma palestra em um evento em Edimburgo, na Escócia, ele voltou a manifestar frustração.



"Como agente, você se sente fraco quando não existe uma estrutura que permita sair e chegar. Não havia cláusula de rescisão de contrato, e isso tornava as coisas muito difíceis. Lutamos para encontrar um ponto de acordo. Demos o nosso melhor por ele", afirmou.

BOA RELAÇÃO COM COLEGAS

A parte, teoricamente, mais simples e parece resolvida inicialmente segundo a imprensa francesa é a relação de Neymar com o elenco. Os principais líderes da equipe como Mbappé, Thiago Silva e Cavani demonstraram satisfação pela permanência do brasileiro.

Com os planos frustrados de voltar ao futebol espanhol, ele agora terá mais uma oportunidade de fazer história no clube francês. Resta esperar se os últimos meses do ano serão uma contagem regressiva para o adeus na próxima janela de transferências ou se será o início de um recomeço na carreira atribulada do jogador.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM