Jornal do Commercio
DECISÃO

Inexperiência de jovens não preocupa Márcio Goiano para a decisão

Márcio Goiano fala em equilíbrio e exaltou a importância dos jovens do elenco alvirrubro: ''Eu tenho uma confiança muito grande nesse jogadores''

Publicado em 10/08/2018, às 20h40

Atacante Robinho é uma das peças importantes de Márcio Goiano na Série C / Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Atacante Robinho é uma das peças importantes de Márcio Goiano na Série C
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Túlio Feitosa
Twitter: @tuliofeitosa

Com média de idade de 26 anos, o elenco alvirrubro é marcado pelo equilíbrio entre a juventude e a experiência. Jogadores jovens vem fazendo a diferença dentro de campo com a camisa do Timbu, mas nunca chegaram em uma situação tão decisiva como a do acesso à Série C. Mas Márcio Goiano não se preocupa com a inexperiência dos jovens, já que os atletas mais velhos passam mais confiança para os mais novos.

“Por serem jovens, a cobrança pesa muito, mas damos tranquilidade, fazendo com que eles tenham a alegria de jogar e os resultados tenham acontecido”, ressaltou Márcio Goiano. Só na equipe titular, o lateral-direito Bryan e o atacante Dudu, de 22 anos, o meia Luiz Henrique, de 21 anos, e Robinho, de 20 anos, são peças fundamentais para a formação do elenco que, hoje, é líder do Grupo A do campeonato. O goleiro Bruno e o zagueiro Camutanga, apesar de ja adquirirem certa experiência na equipe, também chegam para compor a escalação dos jovens que fazem a diferença no Náutico. “Eu tenho uma confiança muito grande nesse jogadores”, completou o técnico alvirrubro



Jogadores como Ortigoza e Wallace Pernambucano, de 31 anos, Sueliton, de 26, e Josa, de 34, agregam essa experiência para a decisão. “É muito importante, ter uma equipe equilibrada. Temos um grupo com muita sintonia. E muito mais importante que isso, o respeito”, concluiu Goiano.

De olho no Bragantino

A apenas um empate para consolidar a liderança, o Náutico já estuda seu possível adversário na fase de mata-matas. “Estamos buscando informações ao adversário, conheço bem o treinador, então é importante conhecer a leitura da forma tática que ele joga”, pontuou Márcio Goiano.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM