Jornal do Commercio
nos aflitos

Evandro Carvalho critica o Náutico por realizar amistoso com 'arbitragem de pelada'

Presidente da FPF disse que o Náutico fez um gol contra ao escalar trio de arbitragem não oficial contra o Treze, no sábado

Publicado em 07/01/2019, às 11h23

Náutico perdeu por 1x0 diante do Treze, nos Aflitos / Diego Nigro/JC Imagem
Náutico perdeu por 1x0 diante do Treze, nos Aflitos
Diego Nigro/JC Imagem
JC Online

O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, criticou a decisão do Náutico em escalar um trio de arbitragem que não é oficializado pela entidade. De acordo com o dirigente, o Timbu fez "um gol contra" e pode sofrer alguma consequência por parte da Associação Nacional dos Árbitros de Futebol (Anaf). Náuticou recebeu o Treze nos Aflitos, no sábado. Timbu foi derrotado por 1x0, em partida válida pelo terceiro amistoso da pré-temporada.

"Foi um equívoco lamentável do Náutico. Vou receber hoje o sindicado e vou tentar contornar o problema. Foi um gol contra do Náutico. Inadmissível realizar um amistoso oficial e o Náutico usar um trio de pelada. Vamos tentar minimizar os prejuízos. Eles requisitaram um horário e vamos tentar minimizar os prejuízos", reclamou Evandro Carvalho, em entrevista à Rádio Jornal.



NO AMISTOSO

O Náutico recebeu o Treze no último sábado, nos Aflitos, em amistoso preparatório para a estreia alvirrubra na temporada contra o Fortaleza, pela Copa do Nordeste. Na ocasião, o Náutico havia anunciado o trio composto por Gleydson Leite, e os assistentes Dhiego Cavalcanti e Ricardo Nunes. No entanto, a arbitragem da partida foi responsabilidade de Ranyer Santana, Ivan Santos e William Dias .

Evandro alegou que o trio que apitou o jogo não tinha condições legais para executar a função. O presidente revelou que a partir de hoje será proibido utilizar arbitragem fora do quadro oficial para apitar partidas amistosas. "A federação não vai liberar se o trio não for oficial. Foi inexperiência do Náutico e do patrocinador. A percepção da Anaf foi muito ruim. Eles vão fazer uma assembleia e talvez não apitem mais nenhum jogo do Náutico", disse. 


Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM