Jornal do Commercio
Notícia
Náutico

"Tem que definir a partida", comenta Gilmar Dal Pozzo

O Náutico teve o domínio na parte do jogo e perdeu boas chances de sair com a vitória contra o Confiança

Publicado em 26/05/2019, às 08h30

Gilmar Dal Pozzo segue invicto sob o comando técnico do Náutico. / Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
Gilmar Dal Pozzo segue invicto sob o comando técnico do Náutico.
Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
Robert Sarmento
Rádio Jornal

O Náutico bem que tentou, mas não conseguiu sair com a vitória diante do Confiança, e terminou com empate em 1x1, neste sábado (25), que deixou o alvirrubro dentro do G-4 do grupo A da Série C. No entanto, o resultado, especialmente, se considerar o primeiro tempo, pode ser considerado injusto, pelas várias chances de gols perdias pelo time pernambucano, que mandou até uma bola no travessão com Wallace Pernambucano. Mesmo assim, o técnico Gilmar Dal Pozzo comemorou o ponto conquistado fora de casa

"É um campeonato de regularidade. A gente jogou duas partidas agora e conquistou quatro pontos. Pontuar é interessante e aqui não era fácil. É uma adversário de qualidade, que vai brigar pelo acesso também. Então, nós valorizamos", disse o treinador.

DESEMPENHO

Conforme citou Gilmar Dal Pozzo, o Náutico realizou dois jogos em sequência longe dos Aflitos e somou quatro pontos ao vencer o Treze-PB e empatar com o Confiança. Contra a equipe paraibana, o Timbu conseguiu segurar o resultado, mas não obteve o mesmo resultado diante do Dragão, tomando inclusive um gol depois de um lateral cobrado para dentro da área.



"Fizemos um gol de bola parada. É enaltecer o trabalho feito na semana. Depois tomamos o gol e o adversário cresceu na partida. O Daniel Paulista (treinador do Confiança) colocou jogadores de velocidade do meio para frente e a gente encontrou uma certa dificuldade após os 20 minutos (do segundo tempo). Antes o jogo estava controlado e a gente mais próximo de fazer o segundo gol", avaliou.

ERRO DE ARBITRAGEM

Aos sete minutos do primeiro tempo, quando André Krobell bateu falta direto, o goleiro Jean tentou fazer a defesa em dois lances. Porém, quando tentou 'abafar', a bola ultrapassou a linha e entrou. Apesar da reclamação dos alvirrubros, o trio de arbitragem deixou o lance seguir e não validou o gol do Náutico.

O lance foi comandado, de forma rápida, pelo técnico do Timbu, e reforçou sobre os erros nas finalizações. "No primeiro tempo, tivemos um gol mal anulado. São esses momentos do futebol. Quando estiver melhor tem que definir a partida", concluiu.





Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM