Jornal do Commercio
Notícia
aflitos

''O torcedor está um pouco tímido'', diz técnico do Náutico

Dal Pozzo quer ver "caldeirão" novamente no estádio dos Aflitos

Publicado em 12/06/2019, às 08h15

Técnico pede abraço da torcida ao time. / Foto: Léo Lemos/Náutico
Técnico pede abraço da torcida ao time.
Foto: Léo Lemos/Náutico
Karoline Albuquerque
Do Blog do Torcedor

Com três jogos disputados como mandante na Série C do Campeonato Brasileiro 2019, o Náutico ainda não viu um público expressivo no estádio dos Aflitos. A primeira partida em casa foi contra o Imperatriz, na 2ª rodada, e 3.305 torcedores se fizeram presentes. Depois, diante do Ferroviário, uma queda: 2.635 presentes. Então, o Timbu trocou de técnico. Sob o comando de Gilmar Dal Pozzo, foram 3.994 pessoas acompanhando da torcida o empate com o Globo.

"O torcedor está um pouco tímido ainda porque é uma Série C, mas vamos fazer o caldeirão nos Aflitos porque tem que voltar aquela história bonita. Vamos dar uma trégua e se fortalecer nesse espírito que os jogadores apresentaram dentro de campo (contra o Sampaio Corrêa), e aí o Náutico volta a ser forte de novo, com certeza", disse o técnico.

Além do jogo contra o Globo, o Náutico teve em casa a classificação para a Copa do Nordeste 2020, no dia 15 de maio, contra o Campinense. Foi o melhor público visto por Dal Pozzo no local nesta passagem, com 5.583 torcedores. Mas, não é bem quantidade que o treinador deseja.



"Não é o quanto vale, não importa que vão cinco ou seis mil, mas os que forem, que abracem. A torcida do Náutico é presente, a gente entende que está esse lance da Série C, mas é a nossa realidade. Com esse espírito, o Náutico se fortalece para a sequência do campeonato", completou o comandante alvirrubro.

O próximo jogo do Náutico em casa acontece no próximo domingo (16). Às 18h, o Timbu recebe o Botafogo-PB, pela 8ª rodada da fase de grupos da Terceira Divisão.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM