Jornal do Commercio
Notícia
Josa

Capitão do Náutico revela 'pacto' entre a diretoria, comissão técnica e jogadores

"Esse pacto está de pé e vai até o acesso do Náutico", comentou o volante Josa

Publicado em 04/07/2019, às 18h56

Náutico voltou ao G-4 depois de vencer o Botafogo-PB / Alexandre Gondim/JC Imagem
Náutico voltou ao G-4 depois de vencer o Botafogo-PB
Alexandre Gondim/JC Imagem
Fernando Castro
Twitter: @fernand0_castro

A vitória sobre o Botafogo-PB nos Aflitos serviu para o Náutico voltar ao G-4 do Grupo A, mas também para dar confiança ao elenco alvirrubro para a sequência da Série C. Mesmo sem participar do último jogo, o volante Josa, capitão da equipe, revelou um pacto feito entre a diretoria, a comissão técnica e os jogadores para o time se manter entre os primeiros colocados e posteriormente conquistar o acesso à Série B.

“Esse pacto foi feito pelo Diógenes (Braga) e a diretoria com a comissão técnica e nós atletas, para se manter no G-4 e consequentemente subir. O nosso pensamento é o acesso, está todo mundo com essa mesma ideia. Estamos tentando consolidar com vitórias, bons jogos, as vezes oscilando, mas acredito que estamos no caminho certo. Conseguimos entrar no G-4 com a última vitória e agora queremos nos manter e não sair mais”, revelou Josa.

O pacto surgiu já com Gilmar Dal Pozzo no comando do time e, de acordo com o volante alvirrubro, o motivo da aliança foi a oscilação que a equipe estava encontrando no campeonato. Depois de vencer o Sampaio Corrêa fora de casa, o Náutico perdeu o clássico para o Santa Cruz no Arruda e empatou com o ABC dentro de casa.

“Esse pacto surgiu quando a gente começou a oscilar. Jogávamos bem uma partida, depois não conseguíamos repetir o bom jogo, vinha uma derrota e daí veio esse pacto, através do vice-presidente Diógenes. Já de cara todo mundo abraçou. Foi um pacto bom, serviu para juntar ainda mais o grupo, então se torna uma coisa boa. Esse pacto está de pé e vai até o acesso do Náutico”, destacou o capitão alvirrubro.



Com o elenco 'fechado' em busca do acesso, Josa disse que nenhuma premiação ainda foi definida pela diretoria caso os jogadores cumpram o objetivo. "A gente ainda não falou sobre isso, mas daqui para frente deve ser falado. Por enquanto é um pacto de vencer jogos, estar no G-4 e conseguir o acesso. Premiação depois é consequência. A premiação é o acesso, subindo todo mundo vai ganhar", comentou.

EQUILÍBRIO

De volta ao G-4, o Náutico trabalha agora para encontrar um ponto de equilíbrio para o decorrer da competição. Com os mesmos 15 pontos do Confiança e Sampaio Corrêa, quinto e sexto colocados respectivamente, o time alvirrubro vai disputar dois jogos consecutivos fora de casa. O primeiro compromisso é contra o Imperatriz-MA, segunda-feira,  já o segundo é diante do Ferroviário, líder do Grupo A.

“Essa oscilação é normal na Série C, alguns times que estavam em cima da tabela vinham ganhando e agora já começaram a perder, então é normal para um campeonato desse nível. A gente está em busca desse equilíbrio e temos que trabalhar bastante. Fizemos um jogo muito bom, consciente, de tranquilidade, mesmo às vezes a gente deixando um pouco a desejar, estamos no caminho certo e em breve vamos encontrar esse ponto de equilíbrio” disse Josa.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM