Jornal do Commercio
Notícia
timbu

Executivo do Náutico espera definição sobre Thiago até fim do ano

O jovem atacante alvirrubro é desejado por outros clubes do país

Publicado em 11/12/2019, às 17h42

Thiago foi a maior revelação do Timbu na temporada. / Foto: Léo Lemos/Náutico
Thiago foi a maior revelação do Timbu na temporada.
Foto: Léo Lemos/Náutico
Karoline Albuquerque
Do Blog do Torcedor

Para quem acha que o ano já acabou, é melhor segurar o calendário. Até o final deste mês de dezembro, o Náutico deve ter novidades sobre a permanência ou não do atacante Thiago no clube. Cria da base alvirrubra, o jogador recifense de 18 anos é desejado por outros times. Qual clube, porém, a direção do Timbu desconversa.

"A gente espera que até o final do mês se resolva para ele ficar ou não. Pode ser o Flamengo, pode não ser. Pode ser qualquer outro time", disse o executivo de futebol alvirrubro Ítalo Rodrigues, em entrevista ao Blog do Torcedor, na tarde desta quarta-feira (11). Questionado se há mais de um clube interessado, ele se limitou a dizer "tem".

O jornal carioca O Globo, o Flamengo entrou na briga pelo jogador e encaminhou a compra de um percentual entre 70% e 80% dos direitos de Thiago. O valor, ainda segundo a publicação, gira em torno de R$ 7 milhões.



Nascido no dia 13 de março de 2001, o atacante Thiago chegou à base do Náutico em 2018, então para o sub-17. No final de 2018, o jovem jogador teve a oportunidade de marcar o primeiro gol da reabertura do estádio dos Aflitos, no amistoso entre o time da casa e o argentino Newell's Old Boys, dando a vitória à equipe da Avenida Conselheiro Rosa e Silva.

Titular durante a temporada 2019, fez 39 jogos oficiais pelo Timbu, marcando oito gols. Thiago ficou no banco para entrar no segundo tempo em apenas quatro partidas e foi substituído também só quatro vezes.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM
'; status++; } } else { status = 0; document.getElementById("aovivo").style.display = "none"; } setTimeout(function() { aovivo(); }, 180000); })();