Jornal do Commercio
Notícia
copa do nordeste 2020

Reestreantes do Náutico comentam empate com River-PI

Ronaldo Alves e Kieza voltaram a defender as cores do Timbu

Publicado em 23/01/2020, às 22h11

Kieza entrou no segundo tempo da partida. / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Kieza entrou no segundo tempo da partida.
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Karoline Albuquerque
Twitter @eusoukaroline

Pouco se ouviu dos jogadores do Náutico ao deixarem o gramado dos Aflitos na noite desta quinta-feira (23), após o empate em 1x1 com o River-PI, pela 1ª rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste 2020. Por causa de um tumulto de torcedores próximo ao túnel inflável de entrada no vestiário, os atletas rapidamente foram levados para dentro. Apenas o zagueiro Ronaldo Alves conseguiu fazer uma breve análise do jogo.

"A gente sabia que dentro de casa que era importante vencer. Mas vamos ter tranquilidade agora e paciência, trabalhar mais, corrigir ainda mais o que for preciso corrigir para que a gente volte dentro de casa e consiga vencer", disse o zagueiro. Ronaldo reestreou pelo Timbu nesta noite, já como titular do time.



Além do zagueiro, outro reestreante da partida foi o atacante Kieza. O camisa 9 teve oportunidade de balançar as redes, mas não conseguiu. Questionado sobre o pênalti desperdiçado por Salatiel, ele foi breve e apoiou o companheiro de equipe. "É a assim mesmo. A gente está junto e dá força para o outro", pontuou.

Este foi o segundo empate do time em jogos oficiais na temporada, após o 1x1 no Clássico dos Clássicos do último fim de semana. O elenco do Náutico tem pouco tempo para descanso. No domingo (26), o Timbu já tem um embate no sertão. Às 16h, o Alvirrubro da Avenida Conselheiro Rosa e Silva enfrenta o Petrolina, no estádio Paulo Coelho, pela 2ª rodada do Campeonato Pernambucano 2020.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM