Jornal do Commercio
Vela

Veleiro da família Schurmann é o segundo a completar a Refeno

O título foi conquistado pelo barco pernambucano Patoruzú

Publicado em 01/10/2018, às 12h33

Família Schurmann completou a Refeno em 30h25min22s / Divulgação
Família Schurmann completou a Refeno em 30h25min22s
Divulgação
JC Online

A Família Schurmann, a bordo do veleiro Kat, chegou a Fernando de Noronha no início da noite deste domingo (30) e ficou com o vice-campeonato da 30ª Refeno. Eles completaram o percurso de 292 milhas náuticas, ou 545 quilômetros, às 18h25 depois de 30h25min22s de regata. O título foi conquistado pelo barco pernambucano Patoruzú, que chegou às 14h58 com o tempo 25h58min12s.

“Estou muito feliz. Fizemos uma regata muito bacana. Saímos com o vento fraco e esse barco, com 90 toneladas, precisa de mais vento. O vento veio e fizemos uma tática de subir mais, orçar e aliviar. Tivemos uma média de 10 nós. Foi excelente e a embarcação se saiu bem. A tripulação também foi muito bacana. Todos com muita vontade, regulando as velas. Foi maravilhoso. Fico muito feliz em ser o primeiro barco de Monocasco a chegar em Noronha”, ressaltou o capitão Vilfredo Schurmann.



REFORÇO

A tripulação do veleiro Kat foi reforçada para a Regata Recife-Fernando de Noronha 2018. Por conta do projeto #MaresLimpos, da ONU Meio Ambiente, e defendida pela Família Schurmann, estiveram a bordo os apresentadores Felipe Solari e Marina Person, o ator Jefferson Schroeder e a youtuber Foquinha. Comandada pelo Capitão Vilfredo, a tripulação também teve, além do casal Vilfredo e Heloisa Schurmann, os filhos David e Wilhelm, o neto Emannuel, e Erika Cembe-Ternex e Délio Santiago, membros da Conexão Schurmann.

Já em Fernando de Noronha, Heloisa Schurmann postou na rede social uma mensagem de agradecimento pelo resultado. “Chegamos em Noronha! Somos campeões da regata #refeno em nossa categoria e em 2º lugar geral dos 61 barcos que largaram do Recife! Parabéns minha família e tripulação! Gratidão ao veleiro Kat, que nos trouxe "voando" até aqui. Com certeza Kat, que tanto amava Fernando de Noronha queria nos ver chegar rapidinho!”, disse.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM