Jornal do Commercio
TÊNIS

Melo e Kubot perdem de novo e têm chances remotas de avançar no ATP Finals

Melo e Kubot não venceram suas duas primeiras partidas no ATP Finals

Publicado em 14/11/2018, às 17h27

A dupla não poderá perder nenhum set na sexta (16) / Foto: Glyn KIRK / AFP
A dupla não poderá perder nenhum set na sexta (16)
Foto: Glyn KIRK / AFP
Estadão Conteúdo

Marcelo Melo e Lukasz Kubot voltaram a ser derrotados no ATP Finals. Nesta quarta-feira (14), eles foram batidos pelos franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4, em 1h10min de duelo, em Londres. Com duas derrotas sem vencer sets, a dupla do brasileiro tem chances remotas de avançar à semifinal.

Parceria cabeça de chave número 3 da competição que encerra a temporada, e reúne as oito melhores duplas do ano, Melo e Kubot precisam vencer o terceiro e último jogo da chave por 2 a 0 e ainda torcer por uma vitória dos norte-americanos Mike Bryan e Jack Sock sobre Herbert e Mahut também em sets diretos.

Assim, a dupla do brasileiro ainda teria chance de avançar na segunda colocação da chave, pela média de games no duelo direto contra os franceses. Para tanto, não poderá perder nenhum set na sexta.



O desafio, contudo, será bem complicado. Melo e Kubot vão encerrar sua participação nesta fase de grupos diante do austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic, que formam a parceria cabeça de chave número 1 da importante competição. Marach é o atual número dois do mundo, enquanto Pavic é o terceiro na lista das duplas.

Nesta quarta, brasileiro e polonês tiveram dificuldade no saque. Não registraram nenhum ace na rápida quadra da Arena O2 e ainda cometeram cinco duplas faltas. Neste ritmo, sofreram três quebras de saque, duas delas no set inicial. Ao mesmo tempo, sequer ameaçaram o serviço dos adversários.

Ainda nesta quarta, pelo mesmo grupo, Bryan e Sock faturaram a segunda vitória consecutiva em Londres ao vencerem Marach e Pavic por 6/4 e 7/6 (7/4). Com forte aproveitamento, ainda sem perder sets, os campeões do US Open já despontam como favoritos ao título da competição.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM