Jornal do Commercio
Notícia
vida fit

Vida Fit: aula de core para ganhar força, resistência e autonomia corporal

Profissional de educação física Júnior Lisboa explica a importância de fortalecer a região do core para ter mais qualidade de vida e autonomia corporal

Publicado em 14/06/2019, às 10h00

Fortalecimento de core é importante para todas as idades
 / Divulgação
Fortalecimento de core é importante para todas as idades
Divulgação
JC Online

Não é só uma aula de abdominal". É dessa forma que o profissional de educação física Júnior Lisboa justifica a importância do fortalecimento do core para seus alunos. O personal trainer destaca que treino vai além da definição muscular. A estabilidade da região central do corpo está associada a maior autonomia corporal, mobilidade e prevenção de lesões e dores na coluna. 



QUALIDADE DE VIDA

"O trabalho de flexão, extensão e isometria associados aos abdominais supra, infra e oblíquo se completam para oferecer maior força para a região central do corpo, ou seja, do core. Dessa forma, proporciona estabilização e fortalecimento da coluna vertebral. Não é só uma aula de abdominal. Os alunos têm consciência que o trabalho não é deixar o tanquinho à mostra. A gente trabalha uma coisa mais além, que é o fortalecimento da coluna vertebral, da parede abdominal e do centro do corpo. Porque fortalecendo essa região as pessoas vão ter mais qualidade de vida, mais autonomia corporal, mobilidade e vão conseguir fracionar sua força.Além de prevenir lesões e dores na coluna", ensinou o professor.

CONFIRA MAIS NOTÍCIAS NO BLOG VIDA FIT





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM