Jornal do Commercio
Notícia
natação

Etiene Medeiros conquista o segundo lugar no Mundial de Natação

A pernambucana Etiene Medeiros conquistou a medalha de prata do Campeonato Mundial de Gwangju, na Coreia do Sul, nesta quita-feira

Publicado em 25/07/2019, às 08h36

Etiene cravou o tempo de 27seg44 / Oli SCARFF / AFP
Etiene cravou o tempo de 27seg44
Oli SCARFF / AFP
Gabriela Máxima

A pernambucana Etiene Medeiros conquistou a medalha de prata nos 50m costas do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de Gwangju, na Coreia do Sul. Com o tempo de 27seg44, a nadadora faturou a quarta medalha para a seleção brasileira na competição. Na classificação, ela ficou atrás apenas da norte americana Olivia Smoliga, que cravou 27seg33. A russa Daria Vaskina completou o pódio com 27seg51. Agora, a pernambucana se prepara para voltar a entrar em ação no Mundial, desta vez nos 50m livre. As eliminatórias da prova vão acontecer na sexta-feira. 

POSITIVIDADE

Campeã mundial de 2017, a expectativa era que Etiene voltasse a subir no lugar mais alto do pódio. O segundo lugar, porém, é um resultado considerado igualmente positivo. "Satisfação imensa está aqui e conquistar mais uma medalha. O processo tem que ser bem alimentado, tem que ser bem diferido e o processo hoje é isso. Eu estou bem feliz com a minha medalha. Prova de 50m é uma loucura. O pessoal que está em casa fica maluco, imagina a gente que está nadando. Então, eu sou muito grata por estar aqui. Muito feliz estar sendo representada e representando muita gente. Essa medalha não é só minha. É do Vanzela que está na arquibancada morrendo, é o pessoal que está em casa, é o pessoal que saiu do treino no Sesi. Eu não nado sozinha. Eu não nado sozinha, eu nado com todo o Brasil", comentou a pernambucana, em entrevista ao Sportv.



Etiene ainda falou sobre o espírito competitivo e a satisfação de permanecer durante tantos anos no alto rendimento esportivo. "Eu resumo o esporte. O esporte é assim. A gente nunca chega aqui campeã mundial. A gente chega aqui sendo ex-campeã mundial. Isso não vai sair do meu currículo, não vai sair do currículo da Baker, campeã olímpica, não vai sair do currículo de ninguém. Quando a gente encara um novo mundial ninguém aqui é campeã. O prazer do esporte é esse: está na competitividade, estar sorrindo. O Brasil precisa disso. A gente que passa por tantas coisas difíceis. A emoção que todo brasileiro está ganhando de manhã, no meio da semana. Eu sempre falo que no meio da semana é mais difícil. Encarem da melhor forma possível. Para todo brasileiro é difícil. É difícil estar atrás do bloco, mas a gente escolheu isso. Sentindo essa agonia, uma vontade de vomitar imensa, mas o final é super gratificante. Estou muito feliz com minha medalha", finalizou. 

 




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM