Jornal do Commercio
Arruda

Genilson e Hericles estão à disposição de PC Gusmão no Santa Cruz

Luiz Otávio está recuperado da conjuntivite e também surge como opção no Santa Cruz

Publicado em 16/05/2018, às 11h57

Genilson deve ficar no banco de reservas do Santa Cruz contra o Botafogo-PB / Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Genilson deve ficar no banco de reservas do Santa Cruz contra o Botafogo-PB
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

O técnico Paulo César Gusmão ganhou mais três opções no Santa Cruz para o jogo contra o Botafogo-PB, neste sábado, no Arruda. O zagueiro Genilson e o meia Hericles estavam em transição no departamento físico e foram liberados. Outra novidade é o retorno do volante Luiz Otávio, que estava com conjuntivite.

Genilson sofreu uma lesão na panturrilha direita no jogo contra o Treze, dia 22 de março, pela Copa do Nordeste. Hericles estava se recuperando de dores no púbis e há mais de um mês não entrava em campo. A última partida dele foi diante do Confiança, dia 28 do mês retrasado, também pelo Nordestão.

Luiz Otávio estava afastado há mais de uma semana do elenco do Santa Cruz por conta da conjuntivite. Ele foi contagiado pela segunda vez e retornou nessa terça-feira aos trabalhos. Nesta quarta-feira, treinou normalmente com bola ao lado dos companheiros.



O departamento médico ainda tem três pacientes: o lateral-direito Mailton, o zagueiro Danny Morais e o atacante Fabinho Alves. O primeiro sentiu uma lesão na coxa no fim da semana passada e o segundo se recupera de uma lesão no nariz para corrigir uma fratura. O outro foi contaminado pela conjuntivite e está afastado desde sexta-feira.

TREINO

O elenco do Santa Cruz se reapresentou ontem pela manhã após a vitória por 2x1 em cima do Globo-RN. Os titulares fizeram um regenerativo e os demais jogadores participaram de um coletivo contra o time sub-23. Ricardo Ernesto; Johnny, Genilson, Eduardo Brito e Allan Vieira; Luiz Otávio, Salino e Maicon Assis; Augusto, Valdeir e Halef Pitbull formaram o time principal.


Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.
Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM