Jornal do Commercio
Arruda

Santa Cruz acostumado com mudanças na escalação

O Santa Cruz mudou quase todo o time na fase de grupos da Série C do Campeonato Brasileiro

Publicado em 09/08/2018, às 08h11

Jailson ganhou uma vaga no ataque do Santa Cruz durante a Série C. / Foto: DIego Nigro/JC Imagem
Jailson ganhou uma vaga no ataque do Santa Cruz durante a Série C.
Foto: DIego Nigro/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

A provável mudança drástica na escalação do Santa Cruz na última rodada da fase de grupos da Série C não deverá ser um problema tão grande para o elenco. Isso porque o verbo ‘mudar’ foi bastante conjugado no Arruda durante o campeonato. Para se ter uma ideia, a Cobra Coral irá terminar a primeira etapa da competição com apenas três jogadores que estiveram presentes na escalação do empate contra o Náutico, na estreia, dia 15 de abril. São eles: o zagueiro Danny Morais, o lateral-direito Vítor e atacante Robinho.

Cinco jogadores do time tricolor que começou a Terceirona foram desligados: o lateral-esquerdo Ávila, os volantes Salino e Luiz Otávio, e os atacantes Fabinho Alves e Robert. Já o goleiro Tiago Machowski, o zagueiro Augusto Silva e o meia Geovani perderam espaço entre os titulares. A escalação era formada por Machowski; Vítor, Danny, Augusto e Ávila; Salino, Luiz Otávio e Geovani; Fabinho, Robinho e Robert.

No decorrer da Terceira Divisão, o Santa Cruz tratou de reforçar o time. Recém-chegados, o zagueiro Sandoval, o lateral-esquerdo Allan Vieira, o volante Willian Maranhão, o meia Jailson e o atacante Pipico rapidamente se consolidaram com a camisa coral. Além deles, o goleiro Ricardo Ernesto, o volante Carlinhos Paraíba e o meia Arthur Rezende, que já estavam no elenco, conquistaram as posições.

Paraíba estreou na segunda rodada depois de um longo tempo de readaptação física, visto que estava há um longo período no futebol do Japão. O companheiro de setor Arthur Rezende viveu situação parecida, pois precisou readquirir o ritmo depois de ter ido para o departamento médico no começo da temporada. O caso do goleiro Ricardo Ernesto foi mais recente. Ele assumiu o lugar de Tiago Machowski há duas rodadas e tem agradado.



Titular, o meia Jailson acredita que o Santa Cruz cresceu na hora certa dentro da competição, após uma campanha regular no G-4 e próximo dele. Agora a intenção é vencer o Salgueiro, mesmo que com um time misto, para se classificar em segundo. Assim, a decisão do acesso será no Arruda.

“Não estava no início da Série C, mas depois da minha chegada, e de mais alguns reforços, acabou dando uma mudada no perfil. No meu ponto de vista, estamos numa crescente muito forte. Só temos a ganhar. Como foi falado, a escalação ideal jogou contra o Confiança, mas mesmo assim não existe ninguém garantido”, afirmou o meio-campista.

TREINADOR

Segundo Jailson, um dos grandes responsáveis pelo bom momento coral é o técnico Roberto Fernandes. “Roberto (Fernandes) tem nos feito focar bastante no objetivo. Esperamos ter sequência e conquistar o acesso.”


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Especial educação Especial educação
E se você descobrisse que o futuro ligado às tendências que irão norteá-lo já chegou? O mundo hoje é um mar de oportunidades, para conhecimento, informação e inovação. Cada vez mais o profissional precisa evoluir. Por isso veja o caminho a seguir
A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza A revolução da ciclomobilidade: o exemplo de Fortaleza
A capital cearense, diferentemente da pernambucana – embora nordestina também – deu um salto na infraestrutura viária voltada para as bicicletas. A cidade está repleta de ciclofaixas. Por toda parte. E a grande maioria conectada
Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM