Jornal do Commercio
Arruda

Revitalização deve atingir mais de 50% do gramado do Arruda

Comissão patrimonial do Santa Cruz está trabalhando junto com o Núcleo de Gestão do clube na revitalização do gramado do Arruda

Publicado em 07/12/2018, às 09h07

Mais da metade do gramado do Arruda deve passar por revitalização / Fernando Castro/Jornal do Commercio
Mais da metade do gramado do Arruda deve passar por revitalização
Fernando Castro/Jornal do Commercio
Fernando Castro
Twitter: @fernand0_castro

Bastante desgastado com o excesso de jogos e treinos da atual temporada, o gramado do estádio do Arruda está passando por melhorias. A diretoria do Santa Cruz contratou uma empresa para ficar responsável pela revitalização da grama. Mais de 50% do gramado deverá ser trocado até o início de janeiro, como explica Victor Tavares, membro da comissão patrimonial do clube.

"A empresa fez o diagnóstico da real situação do gramado, em cima disso foi traçado as melhorias que gramado precisa, a partir daí procuramos iniciar de imediato a revitalização e começamos a retirada da área considerada prejudicial do gramado. Está previsto a troca de mais da metade do gramado, de acordo com o cronograma, pretendemos finalizar o processo no início de janeiro”, explicou Victor.

Atualmente, várias partes do gramado do Arruda tem apresentado aspecto 'amarelado'. De acordo com o membro da comissão patrimonial do Santa Cruz, esse estado da grama é considerado normal, já que está passando por um processo de renovação, por conta do use do herbicidas.

"O gramado está amarelo porque é uma das etapas do plano de revitalização. A parte amarelada não é considerada grama, são ervas daninhas, é uma mistura, por conta de aplicação de herbicidas que tem a missão de matar o que não serve para gente, começamos a implementar para poder plantar grama sadia", comentou.



EMPOÇAMENTO DE ÁGUA

Outro problema que será resolvido com a revitalização do gramado é o de empoçamento de águas, comum no Arruda. Quando chove, muitas poças se formam em partes do gramado. Isso por conta da presença de cerca de 7cm de argila abaixo da grama, que dificulta o processo de drenagem.

"O problema do empoçamento de águas também será resolvido. Abaixo do nível do gramado temos uma camada de argila, cerca de 7cm, que não permite que a água permeei para a camada mais inferior do solo, para o sistema de drenagem agir, então estamos retirando a argila para colocar um material arenoso, que a água possa ser drenada", destacou.

O processo de revitalização do gramado do Arruda tem previsão para ser finalizado no início de janeiro. "A nossa expectativa ao final dessa manutenção é que a gente tenha um gramado com um sistema totalmente revisado, tanto na estética, quanto na funcionalidade", completou Victor.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Papai Noel o ano inteiro Papai Noel o ano inteiro
As luzes na cidade anunciam que o Natal já chegou. É nesta época do ano que o espírito natalino faz aflorar alguns dos sentimentos mais nobres. Agora iremos contar histórias de pessoas, organizações e empresas que fizeram da solidariedade missão de vida
Vida fit todo dia Vida fit todo dia
Apesar de a abertura do Verão no Brasil só acontecer em dezembro, no Nordeste há uma antecipação da data. Por esse motivo, que tal aproveitar esses meses de energia para cultivar bons hábitos e mudar o estilo de vida? Veja várias dicas de como se cuidar
BRT: E agora? BRT: E agora?
Ele está ferido, sofrido. Esquecido. E sem perspectivas de melhoria. Tem sobrevivido como é possível e, apenas pontualmente, esboça reações positivas. O sistema BRT, Bus Rapid Transit, tem sofrido de inanição em todo o País. E poderá se perder.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM