Jornal do Commercio
Análise
Série C

Santa Cruz marca três gols, mas vacila e empata com Sampaio Corrêa

Santa Cruz aumentou o jejum sem vitórias para cinco partidas e segue na lanterna do Grupo A

Publicado em 18/05/2019, às 19h22

Everton abriu o placar para o Santa Cruz na partida / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Everton abriu o placar para o Santa Cruz na partida
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

O Santa Cruz continuou oscilando dentro da partida e desta vez pagou caro. Esteve na frente no placar em três oportunidades, mas deixou o adversário igualar e não conseguiu reverter. Empatou por 3x3 contra o Sampaio Corrêa, neste sábado, no Arruda, pela 4ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Assim, aumentou o jejum sem vitórias para cinco partidas. Os gols do confronto foram marcados por Everton, Misael, Wilian Alves, Salatiel Júnior (2x) e Ulisses.

Com o resultado, a Cobra Coral segue na lanterna do Grupo A com três pontos. No próximo sábado, entra em campo diante do ABC, de novo, no Arruda, pela Terceirona.

O JOGO

A partida começou quente no estádio José do Rego Maciel. Logo aos 4 minutos, o atacante Misael tabelou com Pipico, recebeu pelo lado direito e encontrou o meia Everton invadindo a grande área. O camisa dez tricolor dominou livre, saiu cara do goleiro Andrey e bateu colocado para o fundo da rede.

Na resposta do Sampaio Corrêa, um lance polêmico. Dentro da grande área, o meia Dedé chutou na barriga do lateral-esquerdo coral Carlos Renato e o árbitro Alinor Silva da Paixão marcou pênalti. Aos 9, o centroavante Salatiel Júnior foi para cobrança e deslocou o arqueiro Anderson empatando a partida.

Sem desespero, o Tricolor do Arruda conseguiu voltar a ficar na frente no placar. Aos 15 minutos, o atacante Augusto realizou uma linda jogada pelo lado esquerdo, driblou o zagueiro Moisés e cruzou para Misael, que bateu de primeira para o gol, sem chance para Andrey. Com a vantagem, o Santa se retraiu e buscou aproveitar os vacilos dos maranhenses.

No fim do primeiro tempo, o Sampaio Corrêa conseguiu controlar a posse de bola. Com dificuldade na transição ofensiva, os corais ficaram acuados no campo defensivo. Tanto que quarteto ofensivo - Pipico, Augusto, Misael e Everton - sumiu do jogo. E aos 46, um forte golpe dos maranhenses nos pernambucanos.

Aos 46, o volante Diones puxou o ataque da Bolívia Querida e passou para o meia Dedé. Ele avançou e pouco antes da meia lua da grande área encontrou Salatiel Júnior entre os zagueiros corais. O centroavante dominou, ajeitou o corpo e bateu forte para empatar a partida. Resultado que levou os visitantes em alta para o intervalo.



Diferente da etapa inicial, no segundo tempo, os dois times caíram de produção. Precisando da vitória, os técnicos Leston Júnior e Julinho Camargo colocaram as equipes para o ataque, porém, o jogo ficou travado no meio-campo. E se Santa Cruz e Sampaio Corrêa não conseguiram trocar passes, restou acionar a bola aérea.

Na cobrança de falta, aos 32, o lateral-direito Marcos Martins cruzou na grande área, Charles desviou e acertou a trave. No rebote, o zagueiro Willian Alves completou para o fundo da rede. Mas quatro depois após desempatar o placar novamente, a Cobra Coral provou do próprio veneno.

Também em bola alçada na área, o lateral-direito Everton cobrou a falta. Em posição duvidosa, o atacante Ulisses dominou e bateu com força para igualar o marcador. Os donos da casa ficaram sem reação e no último minuto ainda observaram o lateral-esquerdo Carlos Renato receber o cartão vermelho.

FICHA DO JOGO - SANTA CRUZ 3X3 SAMPAIO CORRÊA

Santa Cruz - Anderson; Marcos Martins, João Victor, Willian Alves e Carlos Renato; Charles, Ítalo Henrique (Lucas Gonçalves) e Everton; Misael (Neto Costa), Augusto (Guilherme Queiroz) e Pipico. Técnico: Leston Júnior.

Sampaio Corrêa - Andrey; Everton, Moisés, Douglas Assis e Patric Calmon (Lucas Gabriel); Eloir, Diones, Cleitinho, Dedé e João Paulo (Gustavinho); Salatiel Júnior (Ulisses). Técnico: Julinho Camargo.

Local: estádio do Arruda, Recife-PE. Árbitro: Alinor Silva da Paixao (MT). Assistentes: Fábio Rodrigo Rubinho e Renan Antonio Angelim Rodrigues (Ambos de MT). Gols: Everton aos 4' do 1ºT, Salatiel Júnior aos 9' do 1ºT e aos 46 do 1ºT, Misael aos 15' do 1ºT, Willian Alves aos 36' do 2ºT e Ullisses aos 36' do 2ºT. Cartões amarelos: Augusto, Carlos Renato, Ítalo Henrique, Anderson e Pipico (Santa Cruz). Eloir e Ulisses (Sampaio Corrêa). Cartão vermelho: Carlos Renato (Santa Cruz). Público: 5.979 torcedores. Renda: R$ 50.195,00

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.
Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM