Jornal do Commercio
Cobra Coral

Contrato longo, confiança e título: apresentação de Milton Mendes no Santa Cruz

O novo técnico do Santa Cruz desembarcou no Recife na noite da última terça-feira para assumir o time

Publicado em 22/05/2019, às 14h32

Milton Mendes retornou ao Santa Cruz com o auxiliar técnico Thiago Duarte / Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Milton Mendes retornou ao Santa Cruz com o auxiliar técnico Thiago Duarte
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

O técnico Milton Mendes revelou que recusou propostas da Segunda Divisão e aceitei o retorno ao Santa Cruz por conta da confiança que tem com os membros da direção coral. Com um contrato de três anos, ele frisou que a primeira meta do projeto é obter o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro e conquistar o título da Terceirona. O substituto do ex-treinador Leston Júnior foi apresentado oficialmente, na tarde desta quarta-feira, no Arruda, ao lado do auxiliar técnico Thiago Duarte. As boas vindas foram dadas publicamente pelo presidente Constantino Júnior e o executivo de futebol Luciano Sorriso. 

"Como falei, quando aceitei esse projeto, tive convites da Série B e não aceitei porque seria mais um projeto de fogo. Essa é a cobrança do futebol. A cobrança faz parte. Luciano (Sorriso) me cobra, ele é cobrado pelo presidente (Constantino Júnior)... esse é o processo. Nós queremos buscar os objetivos: subir e ser campeões. Todo mundo acha Milton (Mendes) só serve para os últimos dois meses com o intuito de apagar o fogo. Mas como falei, a minha principal virtude é o longo trabalho. O projeto lá na Ferroviária é um exemplo. Quero agarrar com unhas e dentes essa longa confiança passada pela direção", afirmou o técnico. 


Galeria de imagens

Legenda
Anteriores
Próximas

O novo comandante coral não escondeu que pesou para aceitar o convite a forte ligação com o Santa após a primeira passagem no ano de 2016. Nesse período, Milton conquistou os títulos do Estadual e Copa do Nordeste. Na Série A, chegou a ocupar a liderança no começo da competição, mas não conseguiu levar a equipe depois da primeira oscilação. Agora, o treinador ressaltou que é necessário união para reerguer o Tricolor do Arruda. 

>> Profissionais do SJCC são furtados na chegada do técnico do Santa Cruz

"Hoje o clube está na Série C, mas esse não é o seu lugar. É preciso unir todas as pessoas ligadas ao projeto para buscar o acesso, porém, também quero ser campeão. É é preciso estar preparado para glória, queda e sucesso. Aceitei esse projeto por justamente conhecer as pessoas. Recusei outros convites por não conhecer os envolvidos. Voltei, pelo sucesso que tive e por quem comanda o Santa Cruz. Vamos trabalhar juntos, o que é o mais importante", disse. 

NOVA CAMISA

O primeiro desafio de Milton Mendes sob o comando do Santa Cruz será diante do ABC, neste sábado, no Arruda, pela 5ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Com expectativa de grande público, a Cobra Coral irá jogar com um uniforme retrô (presente na foto da matéria). Depois da apresentação, o técnico tricolor se dirigiu aos vestiários para se reunir com o elenco, e em seguida, comandar o primeiro treinamento. 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.
Conheça o udigrudi pernambucano Conheça o udigrudi pernambucano
O udigrudi pernambucano reuniu um grupo de talentosos jovens músicos que, na primeira metade dos anos 70, gravou discos absolutamente não comerciais, fez rock and roll na terra do frevo, produziu festivais, insistiram na permanência do sonho.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM