Jornal do Commercio
Notícia
Tricolor

Santa Cruz tem mudança para dar maior mobilidade ao meio-campo

Meia Daniel Costa comentou a opção feita pelo técnico Milton Mendes

Publicado em 25/06/2019, às 20h31

Meia Daniel Costa ressaltou que, apesar de Everton ser designado para fazer a função, ele também já fez no Clássico contra o Náutico / Foto: Jota Santana/Santa Cruz
Meia Daniel Costa ressaltou que, apesar de Everton ser designado para fazer a função, ele também já fez no Clássico contra o Náutico
Foto: Jota Santana/Santa Cruz
Klisman Gama
Twitter: @KlismanGama

Aparentemente, restam poucas dúvidas para o técnico Milton Mendes na escalação do Santa Cruz para o duelo contra o Treze-PB. Uma mudança que chamou a atenção foi no meio de campo da equipe. Allan Dias foi sacado do time e Everton foi deslocado da ponta-direita para atuar como segundo volante. No treinamento desta quarta-feira (25), esta mudança foi vista como uma forma de dar maior intensidade na marcação e também na saída de bola.

“Com o Everton, o Milton (Mendes) tem usado essa proposta de um segundo volante de qualidade e que saia mais para o jogo, procurou me utilizar algumas vezes no segundo tempo do Clássico nessa função para tentar dar qualidade na saída de bola com um passe um pouco melhor para chegar no atacante e no meia”, comentou o meia Daniel Costa. Ele foi bem no clássico contra o Náutico no último sábado e segue entre os titulares para enfrentar o Galo da Borborema. 



“Ele sabe o que precisa no jogo. Está testando o Everton ali e eu tenho certeza que temos a condição de fazer uma grande partida com os jogadores que temos à disposição, esperando para ver aquilo que ele vai colocar, mas independente de quem ele colocar, temos plenas condições de fazer um grande jogo e voltarmos com a vitória”, completou.

ATAQUE

Com a saída de Allan Dias, o comandante coral busca também tornar o time mais ofensivo. Durante o treinamento, Patrick Vieira e Misael revezaram na posição e deixam dúvida na cabeça do treinador. Com o primeiro, o Santa ganha em qualidade no passe e cadência na armação das jogadas. O segundo dá mais velocidade ao time e deixa o setor ofensivo ainda mais agudo.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM