Jornal do Commercio
Notícia
Recado

No Santa Cruz, Milton Mendes pede para falar sobre saída de Magrão do Sport

Técnico coral comandou o Rubro-negro em 2018 e elogiou o experiente goleiro

Publicado em 12/07/2019, às 17h05

Milton Mendes disse também que irá ligar para Magrão para conversar com ele  / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Milton Mendes disse também que irá ligar para Magrão para conversar com ele
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Robert Sarmento
Twitter: @robert_sarmento

A entrevista coletiva, na tarde desta sexta-feira (12), antes do treinamento no Arruda, acontecia normalmente sobre as possibilidades do time titular do Santa Cruz, para o jogo contra o Botafogo-PB, até que o técnico Milton Mendes pediu para comentar sobre a repercussão entre os torcedores do acordo na justiça dos atrasos salariais e a rescisão de contrato entre Magrão e Sport. O treinador teve uma passagem pelo Leão e comandou a equipe em 12 jogos na reta final da Série A do ano passado.

"Quem trabalhou com ele sabe quem ele é. Não vou entrar no mérito de certo ou errado. O que eu quero dizer para as pessoas que estão julgando Magrão, é que ninguém sabe o que exatamente se passou. Só ele e o presidente Milton Bivar, que é uma pessoa que eu considero muito, sabem. Magrão é um homem ímpar, um cara de altíssimo nível. Não é qualquer jogador que fica 14 anos em um clube e consegue ser ídolo", afirma Milton Mendes.



''EU VOU LIGAR PARA ELE''

Apesar o acordo divulgado na última terça-feira (09), o 'caso Magrão x Sport' segue com novos capítulos após a entrevista concedida pelo goleiro à TV Globo. Como resposta, o clube rubro-negro emitiu uma nota oficial apresentando uma cópia do termo aditivo, em que apresenta os valores acertados com o jogador antes da ação na justiça. Milton Mendes foi enfático ao dizer que quer apontar quem está correto ou errado na história e tratou de valorizar o período no qual trabalhou com Magrão.

"Magrão é uma cara que merece o respeito de todo mundo. Repito que não quero entrar no mérito. Estou falando que eu convivi com ele. A disposição de se posicionar em prol do clube, dos jogadores. Ele e o Durval. Acho que são homens extraordinários. Talvez, as pessoas tenham uma ideia diferente porque eles são discretos. Não são de rede social, de estar se vangloriando. Eu vou ligar pra ele (Magrão) ainda e dizer que sou fã dele. O Magrão é ímpar no futebol e na vida", concluiu o treinador coral.





Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Especial Tempo de Férias Especial Tempo de Férias
O tempo das férias finalmente chegou e com ele os vários planos sobre o que fazer no período livre. O JC traz algumas dicas de como otimizar o período para voltar renovado do merecido descanso.
Copa América no Brasil Copa América no Brasil
Confira a relação da Copa América com o Brasil, o histórico e detalhes da edição deste ano, na qual a seleção terá que se virar sem Neymar, cortado do torneio. Catar e Japão participam como convidados
O nome dele era Gabriel Diniz O nome dele era Gabriel Diniz
José Gabriel de Souza Diniz, o Gabriel Diniz, ou simplesmente GD como os fãs o chamavam, morreu precocemente, aos 28 anos, em um acidente com um pequeno avião no litoral sul de Sergipe ocorrido na segunda-feira, 27 de maio de 2019.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM