Jornal do Commercio
Notícia
Série C

Técnico do Santa Cruz comemora resultado e cobra melhor desempenho

O Santa Cruz venceu por 2x1 o Globo com gols do atacante Elias e volante Charles

Publicado em 18/08/2019, às 23h09

Milton Mendes quer melhor performance do Santa Cruz nos próximos jogos / Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Milton Mendes quer melhor performance do Santa Cruz nos próximos jogos
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

Mesmo com o resultado positivo em cima do Globo, neste domingo, o técnico Milton Mendes se mostrou consciente sobre o desempenho do Santa Cruz. Após a partida, ele frisou que estava mais feliz pelos três pontos conquistados. A justificativa dele é que o time coral deixou a desejar em alguns quesitos. Isso porque, na visão dele, a pressão em cima da equipe ocasionou alguns erros. Para o clássico contra o Náutico e as quartas de final, o comandante salientou que a performance não pode ser a mesma.

“Fizemos um primeiro tempo que acredito que foi muito bom. Marcamos o gol e tivemos oportunidades. Mas depois vi que a equipe estava deixando espaços. Por isso, optei por uma troca para fechar o meio-campo. No segundo tempo, procurei tranquilizar os atletas. Eles estão pressionados, buscando, procurei passar essa energia. Estou mais feliz pelo resultado, do que pela atuação. Mais na frente não pode ser assim contra um time mais cascudo”, afirmou o comandante.



SUBSTITUIÇÃO

Ainda no primeiro tempo, Milton Mendes sacou o meia Jailson e colocou o volante Kadu. Substituição que ele explicou que foi por razão tática. O técnico também ressaltou que mesmo tendo enfatizado o fator psicológico durante a semana não foi suficiente para uma maior segurança no duelo.

“Priorizei o emocional durante a semana e mesmo assim foi pouco. Temos que trabalhar ainda mais. Falei com Jailson, disse que sei que não é fácil um jogador sair no começo do embate. Foi um momento do jogo, razão tática, e ele entendeu muito bem. Foi possível enxergar nessa partida a dedicação dos atletas e a preocupação com o coletivo”, pontuou.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM
'; status++; } } else { status = 0; document.getElementById("aovivo").style.display = "none"; } setTimeout(function() { aovivo(); }, 180000); })();