Jornal do Commercio
Notícia
Arruda

Obra do gramado do Santa Cruz deve durar cerca de 65 dias

Santa Cruz espera gastar aproximadamente R$ 200 mil na reforma

Publicado em 07/11/2019, às 08h03

Santa Cruz reformou parcialmente o campo antes da última temporada / Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Santa Cruz reformou parcialmente o campo antes da última temporada
Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem
Davi Saboya
Twitter: @davisaboya

O Santa Cruz estima gastar R$ 200 mil com a reforma total do gramado do Arruda. A informação foi confirmada pelo responsável da obra e membro do núcleo gestor, Victor Pessoa de Melo. Os trabalhos começaram na última sexta-feira e tudo deve ficar pronto entre 60 a 70 dias. Na próxima semana, a nova grama já começa a ser plantada.

"Estimamos no orçamento com a empresa contratada gastar algo em torno de R$ 200 mil. O que deve variar é em relação a espessura da camada de argila que vamos encontrar no terreno. O que deve afetar um pouco também no prazo", afirmou Victor Pessoa de Melo.



TEMPO

A obra está sendo feita pela empresa Greenleaf, que realiza a manutenção do campo do José do Rego Maciel desde o fim do ano passado. O Santa Cruz quer realizar o primeiro jogo da temporada dentro de casa. A prioridade do clube é entregar o gramado em perfeita condição de jogo.

"Não cabe a nós tomar partido do otimismo ou achismo. Estamos trabalhando com uma empresa séria e que se compromete com o que foi acordado. Caso ocorra algum imprevisto, a gente ajusta e não existirá desgaste", destacou o dirigente coral.

Palavras-chave




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Reencontros Reencontros
A menina que salvou os livros numa enchente, o garoto que venceu a raiva humana, o médico que superou a pobreza, os albinos de Olinda e o goleiro de uma só perna foram personagens do projeto Reencontros, publicado em todas as plataformas do SJCC
Especial Nova Rotação Especial Nova Rotação
As cidades estão entrando em colapso. Refletem o resultado da mobilidade urbana convencional, um mal incorporado à sociedade e de difícil enfrentamento.Mas o momento de inverter essa lógica é agora. Criar uma nova rotação para as cidades, para as pessoas
JC Recall de Marcas 2019 JC Recall de Marcas 2019
Pitú e Vitarella são as marcas mais lembradas pelo consumidor pernambucano, de acordo com a edição 2019 do Prêmio JC Recall de Marcas. O ranking foi feito a partir de levantamento do Harrop Pesquisa para o Jornal do Commercio.

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2019 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM