Jornal do Commercio
Notícia
Tricolor

Dirigente do Santa Cruz fala sobre contratação do atacante Mayco Félix

Vindo do Amparo-SP, o atleta chega a um baixo custo e foi acompanhado pelo Tricolor neste ano

Publicado em 10/12/2019, às 07h54

Nei Pandolfo comentou que contrato do atacante vai até o fim do Estadual, podendo ser estendido até dezembro de 2020 / Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Nei Pandolfo comentou que contrato do atacante vai até o fim do Estadual, podendo ser estendido até dezembro de 2020
Foto: Brenda Alcântara/JC Imagem
Klisman Gama
Twitter: @KlismanGama

Neste primeiro momento, o Santa Cruz tem anunciado reforços desconhecidos da sua torcida. Atletas jovens que têm buscado  espaço no futebol e, no Tricolor, encontram a maior chance da carreira. Um deles, o primeiro nome que surgiu como acertado, mas anunciado pelo clube somente na noite dessa segunda-feira (9), foi o atacante Mayco Félix. Vindo do Amparo-SP, da Quarta Divisão do Campeonato Paulista, o atleta chega com uma alta expectativa em aproveitar o ano no Mais Querido. 

“Estou indo agora para o Santa Cruz e a expectativa que tenho para esse ano é de chegar bem, poder trabalhar e me adaptar o mais rápido possível, para poder fazer meus gols e ajudar o time do Santa Cruz para atingir as metas esse ano. Chego confiante, gosto de jogar de centroavante, sair um pouco da área e bater de longe. Estamos confiantes de que o ano de 2020 promete”, comentou o jogador em entrevista ao repórter Antônio Gabriel, da Rádio Jornal.

Desconhecido, vindo de um clube pequeno, faz com que a desconfiança de alguns torcedores seja grande. Mas de acordo com explicação do executivo de futebol, Nei Pandolfo, não foi uma contratação por acaso. Mayco Félix vinha sendo acompanhado através da equipe de análise de desempenho do Santa. Além das suas estatísticas na competição estadual, alguns dos seus jogos foram vistos pelo clube coral. Vindo a um custo baixo, o que chamou mais a atenção foi o ‘perfil de artilheiro’ dele. Foram 14 gols em 21 jogos no torneio pelo Amparo-SP.

“Claro que nós avaliamos vários jogos, várias situações e o perfil de artilheiro que o atleta tem. E temos que explicar o que é essa quarta divisão de São Paulo. Ela é feita por várias equipes que são de empresários, clubes-empresa. O próprio Red Bull passou por essa etapa. Hoje o Desportivo Brasil-SP, clube do Shandong Luneng da China, tem uma equipe com um dos melhores centros de treinamento do Brasil em São Paulo e tem várias equipes nesse formato. Que tem um grande investimento e desenvolvem atletas inclusive para o exterior”, argumentou Nei.



As características do jogador em campo, como um centroavante que tem mobilidade, também foram destacadas pelo executivo do Mais Querido. “É um atleta que joga centralizado, sai bem pelos lados, tem boa velocidade, boa finalização com os dois pés, é muito bom no cabeceio. Ele tem essas características de um artilheiro e tem o histórico de fazer gol. O atleta que faz gols você tem que ter um cuidado especial com ele”, acrescentou o dirigente.

Mayco Félix vem com um contrato mais curto, até o fim do Campeonato Pernambucano. Caso agrade, pode renovar até o fim de 2020 e o Santa Cruz ainda tem a opção de compra em um valor fixado em contrato. Pelo baixo custo, é uma aposta considerada válida pela diretoria coral.

“São atletas que vem em um período de contrato até o fim do regional, e ele se consolidando temos a opção de estender o contrato, e a opção de se tornar um ativo do clube. Então você tem a oportunidade de tornar um atleta de muito baixo custo em um ativo muito positivo”, encerrou Pandolfo.




Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

OFERTAS

Especiais JC

Irmã Dulce e as lições que se multiplicam Irmã Dulce e as lições que se multiplicam
A Santa Dulce dos Pobres deixou um legado enorme por todo o país, e não poderia ser diferente em Pernambuco. Veja exemplos de quem segue o "anjo bom da Bahia"
Jackson era grande demais para um pandeiro Jackson era grande demais para um pandeiro
Em pouco tempo, Jackson do Pandeiro deixou claro que não se tratava apenas de uma voz a mais no cenário artístico pernambucano. Confira especial sobre o artista
Especial Novo Clima Especial Novo Clima
O inverno não é mais o mesmo. E nem o verão. Os efeitos da crise climática alteraram a rotina de milhares de cidadãos das grandes cidades. O JC traz reportagens especiais desvendando o "novo clima"

    SIGA-NOS

    LICENCIAMENTO

  • Para solicitação de licenciamento, contactar editores@ne10.com.br

Jornal do Commercio 2020 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE |

PRIVACIDADE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM